Análise Envoltória de Dados (DEA): uma proposta para avaliação de desempenho de unidades acadêmicas de uma universidade

Autores

  • Cintia Paese Giacomello Universidade de Caxias do Sul
  • Ronald Lopes de Oliveira Universidade de Caxias do Sul

DOI:

https://doi.org/10.5007/1983-4535.2014v7n2p130

Palavras-chave:

Gestão Universitária, Avaliação de desempenho, Análise envoltória de dados

Resumo

Este artigo apresenta uma aplicação da Análise Envoltória de Dados para avaliar unidades de ensino da Universidade de Caxias do Sul. Esta técnica analisa a produtividade (ou eficiência) de Unidades Tomadoras de Decisão através das melhores práticas, sugerindo uma classificação e indicações de variáveis que devam ser melhoradas. Foram utilizadas sete variáveis de caráter financeiro, sendo quatro de entrada e três de saída para 20 unidades. Os resultados permitiram classificar as unidades pelo grau de eficiência, formando três grupos. Para o grupo das unidades de baixa eficiência foram apresentados os valores que cada variável deveria alcançar, bem como as unidades eficientes que poderiam servir de benchmark.

Biografia do Autor

Cintia Paese Giacomello, Universidade de Caxias do Sul

Bacharel em Estatística (1997), mestre em Engenharia de Produção (2000) e doutora em Administração (2009), todos realizados na Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Atualmente é professora da Universidade de Caxias do Sul onde atua em atividades de ensino, gestão e pesquisa.

Ronald Lopes de Oliveira, Universidade de Caxias do Sul

Graduado em Ciência da Computação pela Universidade de Caxias do Sul (1989), mestrado em Ciência da Computação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2001) e MBA em Gestão da Informação Estratégica pela Universidade de Caxias do Sul (2004) e MBA em Gestão de Instituições de Ensino Superior pela Universidade de Caxias do Sul (2013). Atualmente exerce atividades de gestão na Assessoria de Planejamento da Universidade de Caxias do Sul e atividades de ensino na graduação e pós-graduação. É representante da célula de Caxias do Sul da Sociedade Iberoamericana de Sistemas de Conocimiento - CISC e coordenador de planejamento da SBGC (Sociedade Brasileira de Gestão do Conhecimento) - Núcleo da Serra Gaúcha.

Downloads

Publicado

2014-05-28

Edição

Seção

Artigos