Planejamento e gestão estratégica nas IES comunitárias

Autores

  • Gissele Prette Heil UNIFEBE
  • Raul Otto Laux UNIFEBE

DOI:

https://doi.org/10.5007/1983-4535.2017v10n2p115

Palavras-chave:

Planejamento estratégico, Estratégia, IES comunitárias, Empreendedorismo, Gestão Universitária

Resumo

Diante da complexidade da Gestão Universitária no âmbito Estadual e Nacional, destaca-se a importância de um Planejamento Estratégico bem elaborado, exequível e cujo desdobramento em ações, permite aos gestores atuarem em consonância com as exigências que se apresentam cotidianamente. O artigo tem como objetivo geral analisar como ocorre o processo de gestão estratégica nas Instituições Comunitárias do Sistema ACAFE.  Os objetivos específicos foram divididos em quatro etapas, a primeira aborda a Estratégia, com o objetivo analisar o processo de estratégia organizacional, a segunda o Pensamento Estratégico com o intuito de  identificar se possui indicadores da existência de pensamento estratégico, junto aos gestores, a terceira etapa destacará o  Planejamento Estratégico,  identificando se há e como é elaborado e a quarta etapa, considerando as etapas anteriores abordamos as ações decorrentes da possível existência dos requisitos anteriores, bem como, se dá a formulação e implantação de ações e como são efetuados o monitoramento e o controle das estratégias. Entende-se que o tema abordado é de grande relevância, pois as Instituições Comunitárias de Ensino – ICES, possuem características genéricas e específicas o que acaba na maioria das vezes tornando o processo estratégico muito complexo, difícil e pouco efetivo. Cada vez mais as Instituições de Ensino Superior – IES, precisam formular suas estratégias adequando-as para atender as demandas latentes, desenvolvendo um processo de inteligência competitiva, permitindo lidar de modo mais eficaz com a concorrência, destacando o diferencial competitivo e atributos de valor percebidos pela comunidade onde está inserida. É de singular importância buscar a diferenciação, o destaque, a projeção necessária nos tempos atuais, para que possam sobreviver e crescer. Utilizou-se para a presente investigação o método de pesquisa exploratória, descritiva e qualitativa. Com o presente estudo analisou-se como ocorre o desenvolvimento do processo de gestão estratégicas nas ICES, permitindo inferir e identificar onde e como estão e para onde desejam e conseguem seguir.

Biografia do Autor

Gissele Prette Heil, UNIFEBE

Pós-Graduanda em Gestão Universitária – Universidade do Vale do Itajaí – Univali

Raul Otto Laux, UNIFEBE

Pós-Doutorando em Administração pelo PPGAd da UFSC

Downloads

Publicado

2017-06-26

Edição

Seção

Artigos