Aspectos determinantes da implantação da gestão por competências em institutos federais

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5007/1983-4535.2019v12n3p21

Resumo

Este artigo tem como objetivo identificar os determinantes da implantação da gestão por competências em institutos federais. Para isso, buscou-se identificar de que forma os institutos pretendem desenvolver os modelos, as dificuldades encontradas, os benefícios esperados e sugestões para efetiva implantação. Para tanto, esta pesquisa, descritiva e com recorte transversal, recorreu às abordagens quantitativa e qualitativa, com dados coletados por meio de questionário eletrônico e analisados com estatística descritiva e análise de conteúdo temática. Obteve-se amostra de 90,5% das Instituições Federais (IF) do Brasil. Os principais resultados indicam que 7,9% das IF já possuem ações relacionadas à adoção da gestão por competências e que 89,5% pretende implantar, sendo o principal motivo para adoção o Decreto 5707/2006, o que remete à principal intenção do uso das competências para subsidiar processos de treinamento e desenvolvimento. As principais dificuldades são as restrições de pessoal para implantação, falta de apoio dos gestores e resistência dos servidores. Os principais benefícios esperados são melhorias de desempenho e de práticas de gestão de pessoas. Foi constatado alinhamento com resultados da literatura, além de identificar fatores adicionais. Foram sugeridas ações necessárias para efetiva implantação e apontadas recomendações de novas pesquisas para avanços da temática na Administração Pública.

Biografia do Autor

Lana Montezano, Universidade de Brasília

Mestra e Doutoranda em Administação - PPGA / UnB

Nardiane Balbino da Silva, Instituto Federal de Brasília

Estudante do curso tecnólogo em processos Gerenciais - IFB e bacharel em Jornalismo

Fabrício Barros Marques, Instituto Federal de Brasília / Curso Tecnólogo em Processos Gerenciais

Tecnólogo em processos Gerenciais - IFB

Antonio Isidro-Filho, Universidade de Brasília

Doutor e Professor do PPGA da UnB 

Referências

AMARAL, R. M. Gestão de pessoas por competências em organizações públicas. XV Seminário Nacional de Bibliotecas Universitárias, São Paulo, SP, p. 1-18, 2008.

AYRES, S. M. P. M.; SILVA, A. B. Sistema de capacitação baseado em competências - SCBC: uma contribuição para a teoria e prática da gestão por competências no âmbito das IFES. IV Encontro de Gestão de Pessoas e Relações de Trabalho da ANPAD, Brasília, DF, p. 1-16, 2013.

BANDEIRA, E. L.; ARRUDA, H. R.; CABRAL, A. C. A.; SANTOS, S. M. Panorama da gestão de pessoas no setor público. Revista Pensamento Contemporâneo em Administração, v. 11, n. 4, p. 86-103, 2017. http://dx.doi.org/10.12712/rpca.v11i4.1051

BARDIN, L. Análise de conteúdo (70ª ed.). São Paulo: Edições 70, 229p, 2011.

BRANDÃO, H.P.; BAHRY, C. P. Gestão de Competências: Métodos e Técnicas para Mapeamento de Competências. Revista do Serviço Público, v. 56, n. 2, p. 179-194, 2005. https://revista.enap.gov.br/index.php/RSP/article/view/224

BRASIL. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. Secretaria de Gestão. Programa Nacional de Gestão Pública e Desburocratização – GesPública; Prêmio Nacional da Gestão Pública – POGF; Documento de Referência; Fórum Nacional 2008/2009, Brasília: MP, SEGES, 2009.

BURIGO, C. C. D.; LAUREANO, R. J. Desafios e perspectivas da gestão por competências na Universidade Federal de Santa Catarina. Revista Gestão Universitária na América Latina – GUAL, v. 6, n. 1, p. 197-211, 2013. http://dx.doi.org/10.5007/1983-4535.2013v6n1p197

CAPUANO, E. A. Gestão por competências no setor público: experiências de países avançados e lições para o Brasil. Revista do Serviço Público, v. 66, n. 3, p. 371-394, 2015. https://revista.enap.gov.br/index.php/RSP/article/view/574

CARBONE, P. P.; TONET, H. C.; BRUNO, J. R. S.; SILVA, K. I. B. Gestão por competências. Rio de Janeiro, Editora FGV. 190 p, 2016.

CERIBELI, H. B.; MACIEL, G. N.; GUILARDUCCI, C. A. Gestão por competências no Brasil: um estudo multicascos. Reuna, v. 22, n. 4, p. 20-39, 2017.

CHOUHAN, V. S.; SRIVASTAVA, S. Understanding Competencies and Competency Modeling ― A Literature Survey. Journal of Business and Management, v. 16, n. 1, p. 14-22, 2014.

DUTRA, J. S. Competências: conceitos e instrumentos para a gestão de pessoas na empresa moderna. São Paulo: Atlas S.A, 2004.

FERNÁNDEZ, J. Gestión por competencias: un modelo estratégico para la gestión de recursos humanos. Madrid: Prentice Hall Financial Times, 2005.

FONSECA, D. R.; MENESES, P. P. M. Fatores para implantação e desenvolvimento da gestão por competências em agências reguladoras federais. Revista Eletrônica Científica da UERGS, v. 2, n. 2, p. 117-133, 2016. http://revista.uergs.edu.br/index.php/revuergs/article/view/407

GRAMIGNA, M. R. Modelo de competências e gestão dos talentos. 2ª. Ed. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2007.

HENKLAIN, M. H. O.; TEIXEIRA, R. F.; BASTOS, A. E; LUKIANOU, V. Obstáculos e benefícios na implantação do modelo de gestão por competências: a percepção de consultores de Recursos Humano. Revista Eletrônica Gestão e Serviços, v. 7, n. 1, p. 1441-1465, 2016. https://www.metodista.br/revistas/revistas-ims/index.php/REGS/article/view/6142

LANDFELDT, I. M. P.; ODELIUS, C. C. Gestão por Competências em Universidades Públicas Federais. VI Encontro de Gestão de Pessoas e Relações do Trabalho da ANPAD - EnGPR, Curitiba, PR, Brasil, p. 1-8, 2017.

LIMA, D. M. S.; MELO, J. A. M. Modelo de gestão por competências: um estudo de caso em um órgão público federal sobre os fatores que afetam a implantação deste modelo. Revista Gestão Industrial, v. 13, n. 4, p. 26-49, 2018. https://periodicos.utfpr.edu.br/revistagi/article/download/7461/4768

LIMA, J. O.; SILVA, A. B. Determinantes do desenvolvimento de competências coletivas na gestão de pessoas. Revista de Administração Mackenzie, v. 16, n. 5, p. 41-67, 2015. http://www.spell.org.br/documentos/ver/38129/determinantes-do-desenvolvimento-de-competencias-coletivas-na-gestao-de-pessoas/i/pt-br

MARINI, C. Gestão de pessoas e a abordagem do governo matricial: o papel das escolas de governo no alinhamento estratégico da arquitetura governamental. Revista eletrônica sobre a reforma do estado, n. 2, p. 1-15, 2005. http://esmec.tjce.jus.br/wp-content/uploads/2013/06/5-gestao-pessoas.pdf

MELLO, S. P. T.; MELO, P. A.; MELLO FILHO, R. T. Competências gerenciais evidenciadas e desejadas dos integrantes do fórum de gestão de pessoas da rede federal de educação profissional, científica e tecnológica. RACE: Revista de Administração, Contabilidade e Economia, v. 15, n. 1, p. 349-374, 2016. http://editora.unoesc.edu.br/index.php/race/article/view/6937

MELLO, S. P. T.; SILVA, F. M. A Gestão por Competências na prática: possibilidades e resistências no setor público federal brasileiro. XXXVII Encontro Nacional da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração, Rio de Janeiro, RJ, Brasil, p. 1-15, 2013.

MONTEZANO, L. Diagnóstico de competências profissionais considerando fatores que influenciam sua expressão. (Dissertação de Mestrado). Universidade de Brasília, Brasília, DF. Brasil, 2016.

MONTEZANO, L.; SILVA, B. M. Implementação da gestão por competências na Justiça Eleitoral. Encontro de Administração da Justiça – ENAJUS, Brasília, DF, Brasil, p. 1-13, 2018a.

MONTEZANO, L.; SILVA, B. M. Dificuldades e benefícios da implementação da gestão por competências na Justiça Eleitoral. Encontro de Administração da Justiça – ENAJUS, Brasília, DF, Brasil, p. 1-16, 2018b

MUNCK, L.; GALLELI, B.; BORIM-DE-SOUZA, R. Gestão por Competências na Administração Pública de Portugal: uma análise a partir do ciclo interligado de legitimação e de validação. Revista de Ciências da Administração, v. 16, n. 38, p. 29-46, 2014. https://periodicos.ufsc.br/index.php/adm/article/view/22792

PERSEGUINO, S. A.; PEDRO, W. J. A. Análise crítica da gestão por competências em universidades federais. Revista Tecnologia e Sociedade, v. 13, n. 29, p. 22-44, 2017. https://periodicos.utfpr.edu.br/rts/article/view/3847

PESTANA, F. N.; SAUERBRONN, J. F. R.; MORAIS, F. J. Reforma administrativa do Estado e trabalho emocional: um estudo a respeito da gestão das emoções realizada por servidores do INSS. Revista Brasileira de Sociologia da Emoção, v. 10, n. 30, p. 532-565, 2011.

SAKAMOTO, C. A. C.; FERREIRA, B. F.; ZACHARIAS, C. G.; SILVA, J. C.; ALVES, P., RODRIGUES, H. G.; KAPPEL, L. B. As competências dos Assistentes em Administração no serviço público federal: um estudo de caso no IFTM. Revista Economia & Gestão, v. 14, n. 37, p. 53-79, 2014. http://periodicos.pucminas.br/index.php/economiaegestao/article/view/P.1984-6606.2014v14n37p53/7458

SILVA, F. M.; MELLO, S. P. T. A noção de competência na gestão de pessoas: reflexões acerca do setor público. Revista do Serviço Público, v. 62, n. 2, p. 167-183, 2011. https://revista.enap.gov.br/index.php/RSP/article/view/67

SILVA, F. M.; MELLO, S. P. T.; TORRES, I. A. C. O que se discute sobre gestão por competências no setor público: um estudo preliminar das construções. Revista de Administração da UFSM, 6(4), 685-693, 2013. https://periodicos.ufsm.br/reaufsm/article/view/5202/0

SKORKOVÁ, Z. Competency models in public sector. Procedia-Social and Behavioral Sciences, v. 230, p. 226 - 234, 2016.

Downloads

Publicado

2019-09-02

Edição

Seção

Artigos