DINÂMICA DO SETOR DE PETRÓLEO E GÁS BASEADO NO NÚMERO DE DEPÓSITO DE PATENTES UMA ANÁLISE À LUZ DO MODELO E-C-D

Conteúdo do artigo principal

Beatriz Marcondes de Azevedo
https://orcid.org/0000-0002-5481-3619
Cesar Camargos
https://orcid.org/0000-0002-2714-8991
Fred Leite Siqueira Campos
https://orcid.org/0000-0002-6011-3010

Resumo

Resumo
Objetivo: Analisar a dinâmica inovativa e o desenvolvimento tecnológico (via depósito de patentes) das maiores empresas mundiais do setor de petróleo e gás, sob à perspectiva do modelo Estrutura-Conduta-Desempenho (E-C-D).
Design |Metodologia |Abordagem: Pesquisa exploratória descritiva, de base bibliográfica e documental. O levantamento de dados foi realizado pelo número de patentes das principais empresas mundiais de petróleo e gás. O intervalo de tempo definido pela pesquisa foi de 2000 a 2019. Os dados foram minerados utilizando-se como base de pesquisa a World Intellectual Property Organization (WIPO). Para realizar a busca e seleção de dados foi utilizado o PatentScope, ferramenta disponibilizada pela WIPO para prospecção tecnológica de dados.
Resultados: Foi possível confirmar que as condições básicas apresentadas no modelo E-C-D, tais como: valor do produto, demanda, produtos substitutos e políticas públicas vêm impactando direta e negativamente no desempenho econômico do setor de petróleo e gás que, por sua vez, vem registrando menores níveis de investimento em P&D (mensurados via depósitos de patentes).
Originalidade|Valor: A originalidade da pesquisa está assentada na escolha do modelo Estrutura-Conduta-Desempenho (E-C-D) para subsidiar a análise da dinâmica comportamental em relação à inovação e desenvolvimento tecnológico, tendo como indicador central os pedidos de depósito de patentes das principais empresas mundiais do setor de petróleo e gás.
Referências
British Petroleum [BP]. (2018) Energy Outlook 2018 edition. BP p.l.c. 2018. Recuperado em 10 outubro de 2019, de bp.com/energyoutlook. Acesso em 10/10/2019.
Carlton, D.W. E Perloff, J.M. Modern Industrial Organization. Ed. Addison-Wesley. 4.ed. 2015.
Energy Information Administration - EIA. (2020) U.S. Petroleum&otherliquids.  Recuperado em 27 novembro de 2020, de http://www.eia.gov/dnav/pet/pet_pri_spt_s1_a.html.
Forbes - Global 2000. (2000). The World's Largest Public Companies. Disponível em https://www.forbes.com/global2000/#4ae0553f335d. Acesso em 09/09/2020.
Griliches, Z. (1990) Patent statistics as economic indicators: a survey. Journal of Economic Literature.
Hansenclever, L.; Kupfer, D. (2020) Economia Industrial. São Paulo: GEN Atlas. 
 Helman, C. (2015) Energy The World's Biggest Oil And Gas Companies. Recuperado em 09/09/2020, de https://www.forbes.com/sites/christopherhelman/2015/03/19/the-worlds-biggest-oil-and-gas-companies/?sh=3fd9973c1da1.
 IBP - Instituto Brasileiro de Petróleo, Gás e Biocombustíveis. (2019). A relevância do petróleo para o Brasil. Disponível em: https://www.ibp.org.br/personalizado/uploads/2019/08/ey-relevancia-do-petroleo-brasil.pdf. Acesso em 09/09/2020.
 
INPI: Relatório Técnico. (2010).  INPI, Rio de Janeiro.
 IEA - International Energy Agency (2019) World Energy Balances. Recuperado em 09 setembro de 2020, de https://iea.blob.core.windows.net/assets/fffa1b7d-b0c5-4e64-86aa-5c9421832d73/WORLDBAL_Documentation.pdf. 
Lopes, H. C. (2016) O modelo estrutura-conduta-desempenho e a teoria evolucionária neoschumpeteriana: uma proposta de integração teórica. Revista de Economia Contemporânea, Universidade Federal da Fronteira do Sul, 336-358.
 MME - Ministério de Minas e Energia (2018) Balanço Energético Nacional 2018: Ano base 2017. Rio de Janeiro: EPE.
Oliveira, S. D. de; Angeli, R. (2014). Análise dos Documentos de Patentes Depositados pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. v. q, 1–11. Disponível em: <https://portalseer.ufba.br/index.php/nit/article/download/11492/8300.>.
 
Penrose, E. The Large International Firm in Developing Countries. The International
Petroleum Industry. (1968).  Londres: George Allen and Uwin Ltda.
Pirog, R. (2020). The Role Of International Oil Companies In the International Oil Market. Disponível em http://www.fas.org/sgp/crs/misc/RL34137.pdf. Acessado em 20 de outubro de 2020.
UNFCCC. Paris Agreement. (2016). Status of Ratification, United Nations Framework Convention on Climate Change. Disponível em: http://unfccc. int/paris_agreement/items/9444.php. Acesso em 03/11/2020
 World Intellectual Property Organization [WIPO]. Inside WIPO. (2019). Recuperado em 13 outubro de 2019, de http://www.wipo.int/about-wipo/en/.

Detalhes do artigo

Seção
Artigos