As condições superestruturais da profissão vistas pelo movimento dialético das Leis de Imprensa – uma regulação antidemocrática

Cristiane Hengler Corrêa Bernardo, Inara Barbosa Leão

Resumo


 

A pesquisa que dá origem a este texto se apoiou teórica e metodologicamente nos princípios do materialismo histórico-dialético e como base para a construção da materialidade utilizou as Leis de Imprensa que regularam a prática profissional do jornalista ao longo da história. As sínteses possíveis constataram um controle presente durante toda a história da imprensa ora por força de lei, ora por interesses políticos e econômicos, cujas tentativas de emancipação foram, em grande parte, frustradas pelo movimento em defesa do capital.


Palavras-chave


Regulação Antidemocrática; Leis de Imprensa; Controle.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5007/1984-6924.2010v8n1p39

(Est-s Jorn. Mid.), Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSNe 1984-6924.

Licença Creative Commons