Experiências com reportagens multimídia em um jornal nativo digital:

um olhar para o site Nexo

Autores

  • Alexandre Lenzi Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

DOI:

https://doi.org/10.5007/1984-6924.2020v17n2p185

Palavras-chave:

Jornalismo digital, Reportagem multimídia, Nexo

Resumo

As nove reportagens da seção “Especial” do jornal nativo digital Nexo, publicadas em 2018, são analisadas por meio de pesquisa exploratória descritiva, complementada com levantamento bibliográfico sobre o tema. No estudo do material, buscou-se identificar características próprias do gênero jornalístico e, principalmente, outras surgidas ou potencializadas pelo fato de os especiais serem publicados on-line, tendo como base elementos do webjornalismo identificados em trabalho organizado por João Canavilhas (2014). Desta forma, identificam-se que qualidades como hipertextualidade, multimidialidade e memória aparecem em evidência no Nexo, enquanto a interatividade, a personalização e a ubiquidade surgem com menos intensidade do que poderiam, considerando o potencial próprio de um nativo digital.

Biografia do Autor

Alexandre Lenzi, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

Doutor e mestre em Jornalismo pela UFSC. Pós-doutorado em Comunicação pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (PPGCOM/UFMS), com bolsa Capes.

Referências

BARBOSA, Suzana. Jornalismo convergente e continuum multimídia na quinta geração do jornalismo nas redes digitais. In: João CANAVILHAS (Org.). Notícias e mobilidade: o jornalismo na era dos dispositivos móveis. Covilhã: LabCom, p. 33-54, 2013.

BERTOCCHI Daniela. Dos dados aos formatos: a construção de narrativas no jornalismo digital. Curitiba: Appris, 2016.

BRADSHAW, Paul. Instantaneidade. In: CANAVILHAS, João (Org.). Webjornalismo. Covilhã, Portugal: LabCom, 2014, p. 111-136.

CANAVILHAS, João (Org.). Webjornalismo: 7 caraterísticas que marcam a diferença. Covilhã: LabCom, 2014.

CANAVILHAS, João. Hipertextualidade. In: CANAVILHAS, João (Org.). Webjornalismo. Covilhã: LabCom, 2014, p. 3-24.

DEUZE, Mark; PRENGER, Mirjam (Org.) Making media: production, practices and professions. Amsterdam: Amsterdam University Press, 2018.

FERRARI, Pollyana. Jornalismo digital. 4. ed. São Paulo: Contexto, 2014.

ITO, Liliane de Lucena. A (r)evolução da reportagem: estudo do ciclo da reportagem hipermídia, da produção às respostas sociais. Aveiro: Ria Editorial, 2019.

LAGE, Nilson. Ideologia e técnica da notícia. 4. ed. Insular: Florianópolis, 2012.

LEÃO, Lucia. O labirinto da hipermídia. 2. ed. São Paulo: Iluminaras, 2001.

LENZI, Alexandre. Inversão de papel: prioridade ao digital, um novo ciclo de inovação para jornais impressos. Florianópolis: Insular, 2018.

LONGHI, Raquel; WINQUES, Kérley. O lugar do longform no jornalismo online: qualidade versus quantidade e algumas considerações sobre o consumo. Brazilian Journalism Research, Brasília, v. 10, n. 3, p. 110-127, outubro de 2015.

LORENZ, Mirko. Personalização. In: CANAVILHAS, João (Org.). Webjornalismo. Covilhã: LabCom, 2014, p. 137-158.

MIELNICZUK, Luciana. Jornalismo na web: uma contribuição para o estudo do formato da notícia na escrita hipertextual. Salvador, 2003. Tese (Doutorado em Comunicação e Cultura Contemporâneas). Universidade Federal da Bahia, 2003.

NOCI, Javier Díaz. La escritura digital. Zarautz: Universidad del País Vasco, 2001.

PALACIOS, Marcos. Memória. In: CANAVILHAS, João (Org.). Webjornalismo. Covilhã: LabCom, 2014, p. 89-110.

PAVLIK, John. Journalism and new media. Nova Iorque: Columbia Press, 2001.

PAVLIK, John V. Ubiquidade. In: CANAVILHAS, João (Org.). Webjornalismo. Covilhã: LabCom, 2014, p. 158-184.

ROST, Alejandro. Interatividade. In: CANAVILHAS, João (Org.). Webjornalismo. Covilhã: LabCom, 2014, p. 53-88.

SALAVERRÍA, Ramón. Multimedialidade. In: CANAVILHAS, João (Org.). Webjornalismo. Covilhã: LabCom, 2014, p. 25-52.

SALAVERRÍA, Ramón. Los medios de comunicación que vienen. In: CHALEZQUER, Charo S.; GARCÍA AVILÉS, José A.; MARTÍNEZ-COSTA, María del P. (Coords.) Innovación y desarrollo de los cibermedios en España. Pamplona: EUNSA, 2016, p. 255-263.

SALAVERRÍA, Ramón; SÁDABA, Charo; BREINER, James G., & WARNER, Janine C. A brave new digital journalism in Latin America. In: TÚÑEZ-LÓPEZ, M., Martínez-Fernández, V. A., López-García, X., Rúas-Araujo, J., & Campos-Freire, F. (Eds.) Communication: Innovation & Quality. Berlim: Springer, p.229-247, 2019.

SALAVERRÍA, Ramón. Exploring digital native news media. Media and communications, Lisboa: Cogitatio Press, v. 8, n. 2, p.1-4, 2020.

SCHWINGEL, Carla. Ciberjornalismo. São Paulo: Paulinas, 2012.

SILVEIRA, Stefanie Carlan da. Conteúdo jornalístico para smartphones: o formato da narrativa sistêmica no jornalismo ubíquo. 2017. Tese (Doutorado em Ciências da Comunicação). Universidade de São Paulo, 2017.

WINQUES, Kérley. Tem que ler até o fim?: o consumo da grande reportagem multimídia pelas gerações X, Y e Z nas multitelas. 2016. Dissertação (Mestrado em Jornalismo). Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2016.

Downloads

Publicado

2020-12-18