Mapeamento da pesquisa em Jornalismo Móvel no Brasil (2005-2020)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5007/1984-6924.2021.e72309

Palavras-chave:

Jornalismo móvel, Pesquisa em Jornalismo, Mapeamento

Resumo

Os processos de produção, circulação e consumo de notícias por meio de dispositivos móveis e as investigações no âmbito do jornalismo móvel surgiram, sobretudo, a partir do início dos anos 2000. Nesse sentido, o objetivo do presente artigo é identificar as características da pesquisa em jornalismo móvel produzida em Programas de Pós-Graduação do Brasil. O corpus do trabalho é composto por sessenta (60) estudos – sendo dezesseis (16) teses e quarenta e quatro (44) dissertações – finalizados entre os anos de 2005 e 2020. Trata-se de um artigo de caráter descritivo-analítico que combina técnicas qualitativas e quantitativas. As teses e dissertações são avaliadas em relação a seis categorias: ano de finalização, Programas de Pós-Graduação, regiões do Brasil, temáticas, suportes e organizações jornalísticas.

Biografia do Autor

Maíra Evangelista de Sousa, Universidade da Amazônia (UNAMA)

Docente do Programa de Pós-Graduação em Comunicação, Linguagens e Cultura (PPGCLC) e dos cursos de Comunicação Social da Universidade da Amazônia (UNAMA). Pós-doutoranda do Programa de Pós-Graduação Comunicação, Cultura e Amazônia da Universidade Federal do Pará (PPGCOM/UFPA). Doutora em Comunicação e Informação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (PPGCOM/UFRGS). É coordenadora do Grupo de Pesquisa “Ubiquidade na Comunicação - UBICOM” (UNAMA) e membro dos Grupos de Pesquisa "Inovação e Convergência na Comunicação" - InovaCom (UFPA/CNPq) e "Laboratório de Edição, Cultura & Design - LEAD" (UFRGS/CNPq).

Referências

ABREU, Giovanna Figueiredo de. Reconfigurações da produção jornalística a partir do uso do smartphone. 2021. Dissertação (Mestrado em Comunicação, Linguagens e Cultura). Programa de Pós-Graduação em Comunicação, Linguagens e Cultura, Universidade da Amazônia, Belém, 2021.

AGUADO, Juan Miguel; CASTELLET, Andreu. Contenidos digitales en el entorno móvil: mapa de situación para marcas informativas y usuários. In: BARBOSA, Suzana; MIELNICZUK, Luciana. (org.). Jornalismo e Tecnologias Móveis. Covilhã: Livros LabCOM, 2013.

AGUADO, Juan Miguel; MARTÍNEZ, Immaculata J. El dispositivo móvil como encrucijada cultural. In. AGUADO, Juan Miguel; MARTÍNEZ, Immaculata (org.). Sociedad móvil. Tecnología, identidad y cultura. Madrid: Biblioteca Nueva, 2008a.

AGUADO, Juan Miguel; MARTÍNEZ, Immaculata J. La cuarta pantalla: industrias culturales y contenido móvil. In. AGUADO, Juan Miguel; MARTÍNEZ, Immaculata (org.). Sociedad móvil. Tecnología, identidad y cultura. Madrid: Biblioteca Nueva, 2008b.

ALEXANDRE, Tássia Becker. Linguagem jornalística autóctone para dispositivos móveis. 2021. Tese (Doutorado em Ciências da Comunicação). Programa de Pós-Graduação em Ciências da Comunicação, Universidade do Vale do Rio dos Sinos, São Leopoldo, 2021.

BARBOSA, Suzana; SEIXAS, Lia. Jornalismo e dispositivos móveis: percepções, usos e tendências. In: BARBOSA, Suzana; MIELNICZUK, Luciana. (org.). Jornalismo e Tecnologias Móveis. Covilhã: Livros LabCOM, 2013.

BELOCHIO, Vivian de Carvalho. Jornalismo em contexto de convergência: implicações da distribuição multiplataforma na ampliação dos contratos de comunicação dos dispositivos de Zero Hora. 2012. Tese (Doutorado em Comunicação e Informação). Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Informação, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2012.

CANAVILHAS, João; SATUF, Ivan. Jornalismo em transição: do papel para o tablet… ao final da tarde. In. FIDALGO, António; CANAVILHAS, João (org.). Comunicação digital. 10 Anos de investigação. Coimbra: Minerva Coimbra, 2013.

CANAVILHAS, João. Modelos informativos para aparatos móviles: información hipermultimediática y Personalizada. In. MOLINA, Sonia González et al. (org.). Hacia el Periodismo Móvil. Santiago de Chile: RMC/CI, 2013.

CANAVILHAS, João. Epistemology of mobile journalism. A review. Profesional de la información, v. 30, n. 1, 2021.

CARMO, Fernando Corrêa do. Jornalismo móvel: um estudo do noticiário produzido para celulares. 2008. Dissertação (Mestrado em Comunicação). Faculdade de Comunicação Social, Cásper Líbero, São Paulo, 2008.

CUNHA, Rodrigo do Espírito Santo da. Design de informação em produtos jornalísticos para tablets: uma comparação Brasil-Espanha. 2015. Tese (Doutorado em Comunicação e Culturas Contemporâneas). Programa de Pós-graduação em Comunicação e Cultura Contemporâneas, Universidade Federal da Bahia, Salvador, 2015.

DUFFY, Andrew et al. (org.). Mobile News. Journalism’s shift from fixed to fluid. New York/ London : Routledge, 2021.

EMPINOTTI, Marina Lisboa. Taxonomia para classificação de aplicativos noticiosos para smartphones. Um sistema baseado em funcionalidades e affordances. 2020. Tese (Doutorado em Estudos de Comunicação: Tecnologia, Cultura e Sociedade). Universidade da Beira Interior, Covilhã, 2020.

FERREIRA, Paulo Henrique de Oliveira. Notícias no celular: uma introdução ao tema. 2005. Dissertação (Mestrado em Ciências da Comunicação). Programa de Pós-Graduação em Ciências da Comunicação, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2005.

FIDALGO, Antonio. PUSHED NEWS: When the news comes to the cellphone. Brazilian Journalism Research, v. 5, n. 2, 2009.

FIDALGO, Antonio; CANAVILHAS, João. Todos os jornais no bolso: pensando o jornalismo na era do celular. In: RODRIGUES, Carla (org.). Jornalismo On-line: modos de fazer. Rio de Janeiro: PUC-Rio: Sulina, 2009.

FONSECA, Adalton dos Anjos. A imersão como categoria estruturante e indutora de inovações no jornalismo em redes digitais. 2020. Tese (Doutorado em Comunicação e Cultura Contemporâneas). Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Cultura Contemporâneas, Universidade Federal da Bahia, Salvador, 2020.

GOGGIN, Gerard; LING, Rich; HJORTH, Larissa. “Must-Read” Mobile Technology Research: A Field Guide. In: GOGGIN, Gerard; LING, Rich; HJORTH, Larissa (org.). Mobile Technologies. New York: Routledge, 2015.

HANNAM, Kevin; SHELLER, Mimi; URRY, John. Editorial: Mobilities, Immobilities and Moorings. Mobilities, v. 1, n. 1, 2006.

HILL, Steve; BRADSHAW, Paul. Mobile-First Journalism. Producing News for Social and Interactive Media. London/ New York: Routledge, 2019.

LEMOS, André. Cultura da Mobilidade. Revista Famecos, n. 40, 2009.

LOPES, Maria Immacolata Vassalo de. Pesquisa em comunicação. São Paulo: Edições Loyola, 2010.

MARQUES, Alberto. O campo jornalístico e a pauta: um olhar sobre a produção de conteúdos para tablets. 2017. Tese (Doutorado em Comunicação). Programa de Pós-Graduação em Comunicação Social, Universidade de Brasília, Brasília, 2017.

MIELNICZUK, Luciana. O celular afronta o jornalismo. In: BARBOSA, Suzana; MIELNICZUK, Luciana. (org.). Jornalismo e Tecnologias Móveis. Covilhã: Livros LabCOM, 2013.

OLIVEIRA, Vivian Rodrigues de. Jornalismo em dispositivos móveis: uma concepção estratégica de conteúdos noticiosos para tablets e smartphones. 2017. Tese (Doutorado em Comunicação). Programa de Pós-Graduação em Comunicação Social, Universidade de Brasília, Brasília, 2017.

PALACIOS, Marcos. O mundo no bolso e o contexto na palma da mão. In: BARBOSA, Suzana; MIELNICZUK, Luciana. (org.). Jornalismo e Tecnologias Móveis. Covilhã: Livros LabCOM, 2013.

PALACIOS, Marcos et al. Jornalismo móvel e inovações induzidas por affordances em narrativas para aplicativos em tablets e smartphones. In: João Canavilhas; Ivan Satuf. (org.). Jornalismo para Dispositivos Móveis: produção, distribuição e consumo. Covilhã: Livros LabCom, 2015.

PAULINO, Rita. Interatividade e visualização de notícias em apps: um design baseado em Cards. In. Encontro Nacional de Pesquisadores em Jornalismo – SBPJOR, 15, 2017, São Paulo. Anais [...]. São Paulo: SBPJOR/USP, 2017.

PAVLIK, John. Journalism and New Media. New York: Columbia University Press, 2001.

PAVLIK, John. Ubiquidade: o 7.º princípio do jornalismo na era digital. In: CANAVILHAS, João (org.). WebJornalismo: 7 Caraterísticas que marcam a diferença. Covilhã: Livros LabCOM, 2014.

PELLANDA, Eduardo. Internet móvel: Novas relações na cibercultura derivadas da mobilidade na comunicação. 2005. Tese (Doutorado em Comunicação Social). Programa de Pós-Graduação em Comunicação Social, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2005.

PELLANDA, Eduardo Campos. Comunicação móvel: das potencialidades aos usos e aplicações. Em Questão, v. 15, n. 1, 2009.

PELLANDA, Eduardo Campos et al. Mobilidade e jornalismo digital contemporâneo: Fases do jornalismo móvel ubíquo e suas características. In. CANAVILHAS, João; RODRIGUES, Catarina (org.). Jornalismo móvel: linguagem, géneros e modelos de negócio. Covilhã: Livros LabCOM, 2017.

QUINN, Stephen. Knowledge Management in the Digital Newsroom. Oxford: Focal Press, 2002.

QUINN, Stephen. MoJo - Mobile Journalism in the Asian Region. Singapore: Konrad-Adenauer-Stiftung, 2009.

REZENDE, Ivan Satuf. Aplicativos agregadores de informação jornalística para dispositivos móveis: Uma exploração pela Teoria Ator-Rede. 2016. Tese (Doutorado em Ciências da Comunicação). Universidade da Beira Interior, Covilhã, 2016.

SALAVERRÍA, Ramón. Los medios de comunicación que vienen. In. SÁDABA CHALEZQUER, Charo; GARCÍA ANILÉS, José Alberto; MARTÍNEZ-COSTA, María del Pilar (org.). Innovaciónn y desarrollo de los cibermedios en España. Navarra: Ediciones Universidad de Navarra, 2016.

SALAVERRÍA, Ramón; LIMA-SANTOS, Mathias Felipe de. Towards Ubiquitous Journalism: Impacts of IoT on News. In. VAZQUEZ-HERRERO, Jorge et al. (org.) Journalistic Metamorphosis. Media Transformation in the Digital Age. Cham: Springer, 2020.

SHELLER, Mimi. News now. Interface, ambience, flow, and the disruptive spatio-temporalities of mobile news media. Journalism Studies. v. 16, n. 1, 2015.

SILVA, Fernando Firmino da. Jornalismo móvel digital: o uso das tecnologias móveis digitais e a reconfiguração das rotinas de produção da reportagem de campo. 2013. Tese (Doutorado em Comunicação e Culturas Contemporâneas). Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Cultura Contemporâneas, Universidade Federal da Bahia, Salvador, 2013.

SILVEIRA, Stefanie Carlan da. Conteúdo jornalístico para smartphone: o formato da narrativa sistêmica no jornalismo ubíquo. 2017. Tese (Doutorado em Ciências da Comunicação). Programa de Pós-Graduação em Ciências da Comunicação, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2017.

SOUSA, Maíra Evangelista de. Jornalismo em wearables: apontamentos iniciais sobre a circulação de notícias em smartwatches. In: SILVA, Fernando Firmino da (org.). Transmutações no jornalismo. Campina Grande: EDUEPB, 2016.

SOUSA, Maíra de Cássia Evangelista de. Jornal e Mobilidade: Reconfigurações do Impresso ao Multiplataforma. 2018. Tese (Doutorado em Comunicação e Informação). Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Informação, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2018.

SOUZA, Daniele Ramos. Jornalismo em novas telas: a distribuição de notícias nos wearables. 2014. Monografia (Graduação em Jornalismo) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. Porto Alegre. 2014.

WESTLUND, Oscar. MOBILE NEWS. A review and model of journalism in an age of mobile media. Digital Journalism, v. 1, n. 1, 2013.

WESTLUND, Oscar. The production and consumption of mobile news. In: GOGGIN, Gerard; HJORTH, Larissa (org.) The mobile media companion. New York: Routledge, 2014.

Downloads

Publicado

2022-01-03