Assistentes sociais e visitas domiciliares no sistema escolar chileno

Alicia Razeto Pavez

Resumo


Com base na evidência dos efeitos positivos que as visitas domiciliares exercem sobre o bem-estar das pessoas, o artigo apresenta os resultados de um estudo realizado acerca da visão dos assistentes sociais que atuam profissionalmente em escolas públicas chilenas sobre a visita domiciliar como estratégia de atuação profissional. Aprofunda-se na definição e na importância que lhe atribuem, na identificação de seus limites e forças e na percepção acerca de sua efetividade. A metodologia do estudo foi qualitativa, com a aplicação de três grupos de discussão em um total de 25 assistentes sociais.


Palavras-chave


Visitas domiciliarias; Sistema escolar; Trabajadores sociales

Texto completo:

PDF/A (Español (España))


DOI: https://doi.org/10.1590/1982-02592018v21n2p396

R. Katál. Florianópolis, Santa Catarina, Brasil eISSN: 1982-0259  

Licença Creative Commons Adota a Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.