Diversidade de gênero na sociabilidade capitalista patriarcal: as identidades trans em perspectiva

Autores

DOI:

https://doi.org/10.1590/1982-02592018v21n3p602

Palavras-chave:

Diversidade de gênero, Identidades trans, Capitalismo, Patriarcado

Resumo

À luz de uma perspectiva feminista e crítico-dialética, este artigo, fruto de uma pesquisa teórica, busca situar o campo da diversidade de gênero na totalidade das relações sociais, demarcando-se que são relações de classe e de gênero enoveladas. Para isso, trata da centralidade do trabalho a partir de uma revisão bibliográfica sobre a ontologia do trabalho e suas novas determinações sociais pelo modo de produção capitalista, expondo alguns fundamentos do capitalismo e refletindo acerca da simbiose entre capitalismo-patriarcado-racismo estruturante das relações sociais brasileiras com base na leitura de Heleieth Saffioti. Com o presente artigo pretendemos desenvolver uma reflexão marxista para as questões trans, levando o olhar marxista para os estudos sobre diversidade de gênero, que têm nas teorias culturalistas e pós-estruturalistas a tônica da discussão e, ao mesmo tempo, fazendo penetrar o debate das identidades trans nos estudos marxistas.

Biografia do Autor

Silvana Marinho, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Rio de Janeiro

Graduada em Serviço Social pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro UFRJ (2009) e em Arquivologia pela UNIRIO (2007). Especialista em Gênero e Sexualidade pelo CLAM/IMS/UERJ (2011). Especialista em Políticas Públicas e Cultura de Direitos pelo NEPP-DH/UFRJ (2016). Mestra em Serviço Social pelo PPGSS/UERJ (2017), Área de Concentração em Trabalho e Política Social. Doutoranda em Serviço Social no PPGSS/UFRJ, Área de Concentração Cultura e Serviço Social. Experiência como Assistente Social, pesquisadora e consultora nas áreas das relações de gênero, diversidade sexual e de gênero, direitos sexuais, violência e direitos humanos, infância e juventude, educação profissional juvenil, habitação e política urbana. Atualmente tem se debruçado na tematização identidades trans e o mundo do trabalho. 

Downloads

Publicado

2018-11-30