Diferentes matizes da idéia de solidariedade

Autores

  • Vera Herweg Westphal UFSC - Florianópolis - SC

Resumo

Este artigo analisa os diferentes sentidos do termo solidariedade, identificando que não há uma abundância em teorias sobre este mesmo, mas é tema na sociologia, na filosofia e na política. Resgata a origem do termo quando tinha o sentido de unidade e de auxílio ao próximo. Contextualiza o termo na modernidade, apresentando seu uso no solidarismo francês, na doutrina social da igreja e do movimento de classe dos trabalhadores e na adoção da solidariedade como princípio de Estado, quando fornece suporte à formulação de políticas sociais. Por fim, aborda o termo na economia solidária, constatando seu o uso na forma lingüística de adjetivo, além de sua apresentação com a conotação de algo a ser construído e vivido entre iguais, quais sejam, entre os excluídos de esfera econômica dominante. Reflete acerca do uso do termo na economia solidária, tendo em vista sua construção social e histórica.

Biografia do Autor

Vera Herweg Westphal, UFSC - Florianópolis - SC

Possui graduação em Serviço Social pela UFSC (1987), especialização em Comportamento Organizacional pela UNIVILLE (1994), mestrado em Serviço Social pela PUCSP (1998) e doutorado em Sociologia pela Westfälische Wilhelms-Universität zu Münster (2005). Atualmente é Adjunto 1 da UFSC. Tem experiência na área de Serviço Social, com ênfase em Serviço Social Aplicado atuando principalmente nos seguintes temas: Genossenschaften, Arbeitswelt, Solidarische Ökonomie, Modernisierung. Mais informações: Currículo Lattes - CNPq.

Downloads

Publicado

2008-01-01

Edição

Seção

Pesquisas teóricas