Breve análise dos instrumentos da política de gestão ambiental brasileira

Autores

  • Dalmo Arantes Barros Doutorando em Engenharia Forestal, Universidade Federal de Lavras, MG, Brasil.
  • Luís Antônio Coimbra Borges Universidade Federal de Lavras, MG, Brasil.
  • Gleisson de Oliveira Nascimento Universidade Federal de Lavras, MG, Brasil.
  • José Aldo Alves Pereira Universidade Federal de Lavras, MG, Brasil.
  • José Luiz Pereira de Rezende Universidade Federal de Lavras, MG, Brasil.
  • Rossi Alan Silva Universidade Federal de Lavras, MG, Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-7984.2012v11n22p155

Palavras-chave:

Instrumentos de gestão, política ambiental, efetividade

Resumo

O objetivo desse trabalho foi descrever os principais instrumentos da política ambiental brasileira, fazendo menção aos principais pontos de discussão do tema. Para isso, realizou-se uma pesquisa qualitativa do tipo exploratória. A principal falha da efetividade dos instrumentos da política do meio ambiente brasileiro está no desconhecimento quase total da política ambiental, de seus benefícios e de seus resultados, nos diferentes níveis  de gestão. Para a eficácia da legislação ambiental, por meio da utilização dos instrumentos da Política Nacional do Meio Ambiente, é necessário mais do que só a normatização de vias de comando e controle. São imprescindíveis outras políticas públicas, como trabalhar junto à população na conscientização e divulgação de políticas educacionais com investimentos nos aspectos voltados para a sustentabilidade, mudança de hábitos de consumo e estilo de vida.

Biografia do Autor

Dalmo Arantes Barros, Doutorando em Engenharia Forestal, Universidade Federal de Lavras, MG, Brasil.

Doutorando em Engenharia Forestal, Universidade Federal de Lavras (UFLA), Lavras, Minas Gerais (MG), Brasil. dalmo.barros@posgrad.ufla.br.

Luís Antônio Coimbra Borges, Universidade Federal de Lavras, MG, Brasil.

Doutor em Engenharia Florestal. Professor Adjunto, Universidade Federal de Lavras. luis.borges@dcf.ufla.br

Gleisson de Oliveira Nascimento, Universidade Federal de Lavras, MG, Brasil.

Mestrando em Engenharia Florestal, Universidade Federal de Lavras. gleisson_czac@yahoo.com.br

José Aldo Alves Pereira, Universidade Federal de Lavras, MG, Brasil.

Doutor em Ecologia (Conservação e Manejo da Vida Silvestre) pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Brasil. Professor Associado, Universidade Federal de Lavras. j.aldo@dcf.ufla.br

José Luiz Pereira de Rezende, Universidade Federal de Lavras, MG, Brasil.

Doutor em Economia Florestal pela University of Toronto, Canadá e Pós-Doutorado pelo Instituto Internacional de Pesquisas Florestais, Tsukuba, Japão. Pesquisador visitante, Universidade Federal de Lavras. jlprezen@ufla.br

Rossi Alan Silva, Universidade Federal de Lavras, MG, Brasil.

Doutorando em Engenharia Florestal, Universidade Federal de Lavras. rossiallan@gmail.com

Downloads

Publicado

2012-12-27

Edição

Seção

Artigos