Imagens de uma outra modernidade: Gilberto Freyre e o espaço-tempo latino-americano

Sergio Barreira de Faria Tavolaro

Resumo


Tempo e espaço são duas categorias fundamentais no programa intelectual de Gilberto Freyre.

Sem perder de vista sua produção mais conhecida e celebrada voltada à compreensão da formação brasileira, o presente artigo almeja identificar os sentidos e conotações que o autor confere a ambas as noções em suas reflexões a respeito do lugar e importância da América Latina no concerto da modernidade. Conforme pretendo mostrar, a seu ver, o tempo-espaço latino-americano não poderia de modo algum ser reduzido ao das chamadas sociedades modernas centrais, seja no plano conceitual, seja em sua dimensão de experiência prática, o que em boa medida ajudaria a explicar formas de sociabilidade marcadamente distintas num e noutro contextos. Por fim, pretendo investigar a existência de eventuais convergências entre essas preocupações de Freyre e algumas abordagens contemporâneas no seio da teoria sociológica.


Palavras-chave


Modernidade; Gilberto Freyre; Teoria sociológica; Pensamento social brasileiro

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-7984.2016v15n34p196

Direitos autorais 2016 Política & Sociedade

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 Visite nossa página no Facebook:

https://www.facebook.com/revistapoliticaesociedade/

Creative Commons License

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.
Revista Política & Sociedade - ISSNe 2175-7984
Florianópolis - SC - Brasil

CNPq CAPES