Quem conta um conto aumenta vários pontos: uma discussão sobre a importância e a arte do contar Histórias para o desenvolvimento de crianças surdas

Tatiana Bolivar Lebedeff, Sussi Abel Menine Guedes, Giovana Aparecida Garcia de Assis, Tatiane de Souza da Anhaia

Resumo


Acredita-se que a pré-escola tem o papel de assegurar espaços de apropriação de novas linguagens à criança. Para tanto, é necessária a organização de um ambiente de letramento onde a criança possa compreender a função social da escrita. No caso das crianças surdas, estudos demonstram que a exposição precoce à Língua de Sinais (LS) funcionaria como uma plataforma de lançamento para o desenvolvimento de outras habilidades lingüísticas. Propõe-se um incremento na atividade de contar histórias para crianças surdas por professores surdos instrumentalizados com diferentes mídias para o conto de histórias infantis. Para facilitar a apresentação das histórias, na pesquisa que está sendo realizada, os livros infantis estão sendo adaptados das seguintes maneiras: ampliação artesanal das ilustrações para colocação em cavalete; ampliação das ilustrações em fotocópia colorida, para colocação em cavalete; fotocópia das ilustrações em lâminas para uso em retroprojetor; transformação dos personagens em bonecos manipuláveis etc. Justifica-se a importância dessa atividade pelo fato de que é o modo de participação da criança, ainda na oralidade (e, neste caso, em LS), nas práticas de leitura e escrita que permitirão à criança construir uma relação com a escrita como prática discursiva e como objeto de mediação com o mundo.


Palavras-chave


Crianças surdas-Educação; Arte de contar histórias; Crianças-Linguagem pré escolar; Children; Deaf-Education; Story-Telling; Pre-school children and language; Sign Language

Texto completo:

PDFA


P.Vista, eISSN 2175-8050, UFSC, Florianópolis, SC, Brasil.

 

 

Creative Commons License
Ponto de Vista: Revista de Educação e Processos Inclusivos, Florianópolis, SC, Brasil - - - eISSN 2175-8050 - - - está licenciada sob Licença Creative Commons
> > > > >