Educação no mundo do trabalho

Edna Garcia Maciel Fiod

Resumo


Constatações evidenciam que a educação pública estatal, fruto da sociedade do trabalho, tem encontrado dificuldades diante das metamorfoses das relações produtivas. Neste final de século, irabalhadores transformados em nômades vagueiam pela sociedade global em busca de trabalho. Neste sentido, a crise da escola configura uma das manifestações do movimento geral da sociedade, precisamente o movimento que compele a transfor- macão social. Questiona-se o pressuposto de que o domínio critico sobre o mundo do trabalho configura necessidade do processo de emancipagdo humana. Os limites da escola pública refletem as fronteiras históricas do trabalho coletivo, do principio educativo que nutre as modernas relações educacionais.

Palavras-chave


Educação e trabalho; Pedagogia do trabalho; Organização produtiva.



DOI: https://doi.org/10.5007/%25x

Direitos autorais 1997 Edna Garcia Maciel Fiod

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

R. Ci. Hum. Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil, ISSNe 2178-4582

Creative Commons License Todo o conteúdo do periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

 

.