Repercussões da introdução do sistema de leitura óptica sobre o trabalho do operador de caixa de supermercado

Roberto Moraes Cruz;, Arthur Miller, Daniela Mondardo, Renata Pereira

Resumo


Este trabalho se enquadra na análise dos aspectos ergonômicos e psicológicos associados A. introdução de novas tecnologias no setor
de serviços, considerado atualmente como o principal setor de implementação da informatização do processo de trabalho. 0 foco de
análise foram as mudanças na situação de trabalho no posto de caixa
de supermercado em decorrência da introdução do sistema de leitura
óptica de códigos de barras (SLO) no check out. E o resultado de uma pesquisa realizada entre os meses de março e setembro de 1998, em duas
lojas de uma rede de supermercados, uma das quais com o sistema de leitura óptica implementado, em comparação com a outra, que ainda utiliza
o sistema de registro convencional. Os resultados apontam para uma
definição de políticas de capacitação do trabalho por parte da organização
e mudanças especificas no ambiente e nas atividades do trabalho.

Palavras-chave


Ergonomia; Psicologia do trabalho; Tecnologia de servigos; Leitura ótica; Análise do trabalho.

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/%25x

Direitos autorais 2000 Roberto Moraes Cruz;, Arthur Miller, Daniela Mondardo, Renata Pereira

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

R. Ci. Hum. Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil, ISSNe 2178-4582

Creative Commons License Todo o conteúdo do periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

 

.