ORIENTAÇÕES METODOLÓGICAS PARA A CONSTITUIÇÃO DE UM BANCO DE DADOS LEXICAL PARA A ELABORAÇÃO DE DICIONÁRIOS PEDAGÓGICOS.

Adilson do Rosário TOLEDO, Adja Balbino de Amorim Barbieri DURÃO

Resumo


Este trabalho se insere na área da Lexicografia (BÉJOINT, 2000; BORBA, 2003; WELKER, 2004; WERNER, DURÃO, RUANO, 2009; DURÃO, 2009, 2010), mais especificamente, no campo da Metalexicografia, na interface com a Linguística Contrastiva (LADO, 1957) em seu modelo contemporâneo (SELINKER, 1994; DURÃO, 2007). O objetivo funda mental desta pesquisa é a investigação de metodologia adequada para a elaboração de dicionário pedagógico contrastivo em língua materna Parte-se do pressuposto de que as estratégias de desenvol vimento de interlíngua, na aquisição/aprendizagem de crianças em fase inicial de escolarização, ficam potencializadas com o uso de dicionário pedagógico de qualidade, cujas unidades léxicas sejam originadas da própria comunidade de fala. Um dos recursos metodológicos à disposição para a construção de um Banco de Dados Lexical para este fim pode estar nos fundamentos da Teoria da Variação e Mudança Linguísticas (WEINREICH, LABOV, HERZOG, 1968; LABOV, 1972; SILVA-CORVALÁN, 1989; TARALLO, 1990). O trabalho se desenvolverá em três etapas coordenadas: análise instrumental, coleta de dados e apresentação de resultados.

Palavras-chave


Interlíngua; Dicionário; Aquisição; Aprendizagem

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/1984-8420.2011v12nespp26

Working Papers em Linguística, ISSN 1984-8420, Florianópolis (Santa Catarina), Brasil

 

CC-by-NC icon
Esta obra está licenciada sob licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.