A voz como provocação aos estudos literários
doi:10.5007/2176-8552.2011n11p115

Tereza Virginia de Almeida

Resumo


A partir da percepção da canção popular como objeto privilegiado para os estudos culturais no contexto brasileiro, o presente artigo demonstra que sua inscrição no campo dos estudos literários demanda novas metodologias, em função da relevância da voz e do corpo nessa forma de artefato cultural. Como conseqüência, o artigo devolve à própria literatura indagações acerca da pertinência das práticas de análise e interpretação.

Palavras-chave


Voz; Canção; Performance; Corpo

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2176-8552.2011n11p115



outra travessia, eISSN 2176-8552, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.

CC-by-NC icon
Esta obra foi licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.