Redes Sociais Informais e Desempenho de Empresas Incubadas

Autores

  • Gerson Volney Lagemann UDESC
  • Elizabeth Loiola UFBA

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-8077.2013v15n37p22

Palavras-chave:

Empreendedorismo, Incubadoras, Redes sociais.

Resumo

Objetivando explorar e analisar a relação entre redes e desempenho empresarial, este estudo de multicasos longitudinais foi desenvolvido em cinco empresas selecionadas por acessibilidade e conveniência, em diferentes estágios de incubação, na Softville, incubadora de base tecnológica de Joinville-SC. Gestores e empregados dessas empresas responderam ao questionário sociométrico, em três momentos no período de um ano. As redes de confiança, de informação técnica e de informação sobre gestão e suas características estruturais de tamanho, densidade e coesão foram mapeadas. Além disso, foram levantados dados de desempenho das empresas (tamanho da equipe, número de clientes e faturamento). Empresas pesquisadas com redes mais coesas apresentam melhores desempenhos, corroborando indicações da literatura e sugerem que práticas de suporte às empresas incubadas devem privilegiar competência de formação e de atuação em network.

Biografia do Autor

Gerson Volney Lagemann, UDESC

Engenharia de Produção - empreendedorismo

Elizabeth Loiola, UFBA

Administração de Empresas

Downloads

Publicado

2013-12-10

Edição

Seção

Artigos