O Assédio Moral no Contexto Universitário: uma discussão necessária

Autores

  • Thiago Soares Nunes Universidade Federal de Santa Catarina
  • Suzana da Rosa Tolfo Universidade Federal de Santa Catarina

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-8077.2015v17n41p21

Palavras-chave:

Assédio moral no trabalho, Universidade, Servidores

Resumo

O presente artigo tem por objetivo apresentar parte dos resultados de um projeto de pesquisa, que possibilitou identificar a ocorrência e as características de assédio moral no trabalho em uma universidade. A pesquisa foi classificada como descritiva e estudo de caso, com abordagem quantitativa e qualitativa. Foram enviados questionários aos servidores da universidade e realizadas entrevistas. Constatou-se que as universidades não estão imunes à ocorrência desse tipo de violência e que essas ocorrências causam transtornos para a saúde, sobretudo a mental, desses trabalhadores, pelo fato de ter implicado na deterioração das condições de trabalho, no isolamento e na recusa de comunicação, bem como em violências verbais, físicas ou sexuais. Conclui-se que a universidade deve criar e desenvolver medidas de prevenção e combate ao assédio moral, visto que as ações atuais tem sido ineficazes.

Biografia do Autor

Thiago Soares Nunes, Universidade Federal de Santa Catarina

Doutorando em Administração pelo Programa de Pós-Graduação em Administração da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Mestrado em Administração pela UFSC. Especialização em Gestão de Pessoas pela UFSC. Graduação em Administração pela UFSC. Pesquisador do Núcleo de Estudos do Trabalho e Constituição do Sujeito (NETCOS/UFSC).

Suzana da Rosa Tolfo, Universidade Federal de Santa Catarina

Secretária Adjunta da Secretaria de Gestão de Pessoas (SEGESP) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Professora do Programa de Graduação e Pós-Graduação em Psicologia e do Programa de Pós-Graduação em Administração da UFSC. Doutora em Administração pela Universidade Federal de Rio Grande do Sul (UFRGS). Mestre em Administração pela UFSC. Graduação em Psicologia pela UFSC. Vice Coordenadora do Núcleo de Estudos do Trabalho e Constituição do Sujeito (NETCOS/UFSC).

Downloads

Publicado

2015-04-17

Edição

Seção

Artigos