O Assédio Moral no Contexto Universitário: uma discussão necessária

Thiago Soares Nunes, Suzana da Rosa Tolfo

Resumo


O presente artigo tem por objetivo apresentar parte dos resultados de um projeto de pesquisa, que possibilitou identificar a ocorrência e as características de assédio moral no trabalho em uma universidade. A pesquisa foi classificada como descritiva e estudo de caso, com abordagem quantitativa e qualitativa. Foram enviados questionários aos servidores da universidade e realizadas entrevistas. Constatou-se que as universidades não estão imunes à ocorrência desse tipo de violência e que essas ocorrências causam transtornos para a saúde, sobretudo a mental, desses trabalhadores, pelo fato de ter implicado na deterioração das condições de trabalho, no isolamento e na recusa de comunicação, bem como em violências verbais, físicas ou sexuais. Conclui-se que a universidade deve criar e desenvolver medidas de prevenção e combate ao assédio moral, visto que as ações atuais tem sido ineficazes.


Palavras-chave


Assédio moral no trabalho; Universidade; Servidores

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-8077.2015v17n41p21

Revista de Ciências da Administração, Universidade Federal de Santa Catarina, Departamento de Administração, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.

Para entrar em contato com a equipe editorial da Revista RCA, encaminhe um e-mail para rca.cse@contato.ufsc.br

ISSNe 2175-8077    ISSN 1516-3865

Licença Creative Commons
This obra is licensed under a Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.