Dialogismo e Reflexidade: uma análise da contribuição dos Centros e Programas de Estudos de Gestão Social no Brasil

Júnia Guerra, Armindo dos Santos de Sousa Teodósio

Resumo


Este artigo teve como objetivo central analisar as possibilidades dialógicas e reflexivas para o ensino e a pesquisa de Gestão Social no Brasil a partir da atuação de Centros e Programas de Estudo deste campo no país. Para tanto, foram discutidas temáticas que envolvem o construto teórico da Gestão Social e as suas implicações para o exercício do ensino e pesquisa acadêmicos por meio da perspectiva interdisciplinar. De cunho qualitativo, esta pesquisa investigou seis Centros e Programas de Estudo sobre Gestão Social no Brasil. Adotou a entrevista semiestruturada em profundidade com seus fundadores e coordenadores, bem como a pesquisa documental como instrumentos de coleta de dados. Os resultados demonstraram que os Centros e Programas de Estudo investigados reconhecem a Gestão Social como gestão da coletividade social de um dado território, no qual são assumidas relações intersetoriais que, por sua vez, refletem em práticas dialógicas e reflexivas.


Palavras-chave


Dialogismo e Reflexidade; Gestão Social; Centros e Programas de Estudos

Texto completo:

PDF PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-8077.2015v17nespp45

Revista de Ciências da Administração, Universidade Federal de Santa Catarina, Departamento de Administração, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.

Para entrar em contato com a equipe editorial da Revista RCA, encaminhe um e-mail para rca.cse@contato.ufsc.br

ISSNe 2175-8077    ISSN 1516-3865

Licença Creative Commons
This obra is licensed under a Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.