A estrutura organizacional molecular

Edinice Mei Silva, Altamiro Damian Preve

Resumo


As exigências do mercado de consumo vêm apontando para a personalização em massa, fragmentação e segmentação, o que passa a solicitar uma nova forma de estrutura organizacional flexível, moderna, adaptável, capaz de satisfazer as necessidades dos clientes; além disso, proporciona a sobrevivência da organização por meio de mecanismos de defesa e adaptação nos moldes dos seres vivos. Surge, assim, a estrutura organizacional molecular, sendo o objetivo deste artigo abordá-la, trabalhando a interação organização-mercado.

Palavras-chave


Segmentação; Cliente; Capital humano; Segmentation; Client; Human capital

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5007/%25x

Revista de Ciências da Administração, Universidade Federal de Santa Catarina, Departamento de Administração, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.

Para entrar em contato com a equipe editorial da Revista RCA, encaminhe um e-mail para rca.cse@contato.ufsc.br

ISSNe 2175-8077    ISSN 1516-3865

Licença Creative Commons
This obra is licensed under a Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.