Os centros de convivência: dispositivos híbridos para a produção de redes que extrapolam as fronteiras sanitárias

Sabrina Helena Ferigato, Sérgio Resende Carvalho, Ricardo Rodrigues Teixeira

Resumo


Esse trabalho tem como objeto de pesquisa a produção dos Centros de Convivência de Campinas junto às redes de Saúde. Trata-se de um dos produtos de tese de doutorado em Saúde Coletiva que teve como objetivo principal cartografar o que produz os Centros de Convivência e também o que os produzem. Para isso, foi utilizada a metodologia de pesquisa qualitativa, a partir do método da cartografia, incluindo a revisão bibliográfica e pesquisa de campo sobre o tema. O estudo apresenta como resultado uma proposição sobre a função dos Centros de Convivência e suas principais interfaces com as redes de Saúde, incluindo a análise de suas potências e limitações

Palavras-chave


Centros de Convivência; Intersetorialidade; Redes atenção em saúde.

Texto completo:

PDF/A

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Cadernos Brasileiros de Saúde Mental, ISSN 2595-2420, Florianópolis - Santa Catarina, Brasil. Todos os direitos reservados, 2020.