Desafios de adoção do livro didático de sociologia e formação continuada de professores

Thayene Gomes Cavalcante, Anicélia Ferreira da Silva

Resumo


Este artigo discute adoção do livro didático de sociologia e a política de formação continuada de professores em uma relação de reciprocidade. O livro didático de sociologia possui características e funções bastante instrutivas para o professor, especialmente no contexto de reintegração da Sociologia nos currículos do Ensino Médio. Pode mediar um discurso científico a um domínio cognitivo apropriado ao Ensino Médio, adquirir função de currículo, ou mesmo como formação ou informação de professores, entre outros atributos. No entanto, a adoção do livro didático pelos professores tem passado por alguns desafios, que envolvem, muitas vezes, questões formativas. Baseado em pesquisa realizada em João Pessoa-PB e Pesqueira-PE, com os professores de sociologia da rede estadual de ensino, durante o ano de 2015, a formação continuada de professores aparece como uma ferramenta política essencial para a adoção do livro didático de sociologia pelos professores.


Palavras-chave


Livro Didático; Formação Continuada; Professores; Ensino de Sociologia; Educação Básica

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5007/1980-3532.2015n13p132

Licença Creative Commons Esta obra está licenciada sob uma Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Unported License.

Em Debat: Rev., ISSNe 1980-3532, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.