Máscara espectrográfica para registro digital de espectros de fontes brilhantes

Autores

  • Ademir Xavier Diretoria de Satélites Aplicações e Inovação, Agência Espacial Brasileira, Brasília

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-7941.2017v34n2p621

Palavras-chave:

Espectroscópio, Espectro, Óptica, Processamento de Imagens, Redes de Difração

Resumo

Neste trabalho, apresentamos diagramas esquemáticos para a construção de uma máscara espectrográfica adaptável à objetiva de uma câmera, a fim de se capturar espectros usando redes feitas de CD ou DVD. A máscara é feita de duas partes: um anel adaptador e um bloqueio em cotovelo para o registro correto de espectro no laboratório ou ao ar livre. Usando software livre, analisamos e discutimos a calibração em comprimento de onda para o espectro solar, o que permitiu a nós identificar muitos elementos químicos nele. Na conclusão, discutimos ainda alguns projetos interessantes a serem feitos por estudantes usando a ideia.  

Biografia do Autor

Ademir Xavier, Diretoria de Satélites Aplicações e Inovação, Agência Espacial Brasileira, Brasília

Mestrado em Física (1993) e Doutorado em Física (1997) pela Universidade Estadual de Campinas.

Atualmente é tecnologista 3-I da Agência Espacial Brasileira, trabalhando na Diretoria de Satélites e Aplicações.

Downloads

Publicado

2017-08-09

Edição

Seção

Atividades experimentais no ensino de Física