Desenvolvimento do pensamento e educação escolar: etapas de formação de conceitos à luz de Leontiev e Vigotski

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5007/1984-8412.2016v13n4p1572

Palavras-chave:

Pensamento, Linguagem, Educação Escolar

Resumo

Este artigo focaliza o desenvolvimento do pensamento em suas articulações com a linguagem, haja vista o papel desempenhado por ambos na configuração geral do psiquismo humano. Seu objetivo é apontar as relações entre o referido desenvolvimento e a educação escolar, posto que entre eles exista uma relação de condicionabilidade recíproca. Afirmando a unidade teórico-metodológica entre as proposições de A. N. Leontiev e L. S. Vigotski, a análise em tela ampara-se na perspectiva histórico-cultural do desenvolvimento humano tal como originariamente formulada por estes autores. Ao longo da presente exposição e tomando como eixo de análise a periodização do desenvolvimento do pensamento, evidencia-se o papel insubstituível da educação escolar em sua promoção e o necessário fortalecimento de teorias pedagógicas, a exemplo da pedagogia histórico-crítica, que advoguem a apropriação dos conhecimentos historicamente sistematizados, consubstanciados nos conceitos científicos, como função precípua da escola.

Biografia do Autor

Lígia Márcia Martins, Universidade Estadual Paulista / UNESP

Livre-Docente em Psicologia da Educação, doutora em Educação, mestre em Psicologia. Graduada em Psicologia (Licenciatura e Formação de Psicólogos). Professora do curso de Graduação em Psicologia da Faculdade de Ciências da UNESP, campus de Bauru e do Programa de Pós-Graduação em Educação Escolar da Faculdade de Ciências e Letras da UNESP, campus de Araraquara.

Downloads

Publicado

2016-01-02