Contra-argumentação e discurso: uma abordagem transdisciplinar

Autores

  • Marcos Bispo Santos Universidade do Estado da Bahia

DOI:

https://doi.org/10.5007/1984-8412.2017v14n3p2233

Palavras-chave:

Contra-argumentação, Gêneros do discurso, Sequência argumentativa, Transdisciplinaridade

Resumo

Este artigo tem como objetivo apresentar um modelo transdisciplinar de estudo da contra-argumentação em oposição às abordagens formalistas que caracterizam os estudos científicos desse objeto no contexto das teorias linguísticas. A proposta parte do pressuposto de que a abordagem transdisciplinar se faz necessária sempre que se busca superar a fragmentação disciplinar dos conhecimentos, tendo em vista objetivos práticos para os quais tais conhecimentos são necessários, mas insuficientes. Em função disso, articula elementos da retórica clássica, da nova retórica das teorias de Bakhtin acerca dos gêneros do discurso e do texto e da linguística textual para elaborar um dispositivo de análise da contra-argumentação como um processo complexo inerente a diversas práticas sociodiscursivas. Com base nesse dispositivo, analisou-se um artigo de opinião. Conclui-se que, dada a complexidade da contra-argumentação, a abordagem transdisciplinar permite uma compreensão holística de seu funcionamento sociodiscursivo.

Biografia do Autor

Marcos Bispo Santos, Universidade do Estado da Bahia

Professor Adjunto na Universidade do Estado da Bahia, Campus II, Colegiado de Letras - Língua Portuguesa e Literaturas; Professor do Mestrado Profissional em Letras - Profletras, no Campus V da mesma Universidade.

Publicado

2017-09-25

Edição

Seção

Artigo