Estudo lexical do vocabulário do jogo de arco e flecha e da corrida de tora Parkatêjê

Autores

  • Marília de Nazaré de Oliveira Ferreira Universidade Federal do Pará
  • Luciana Renata dos Santos Vieira Universidade Federal do Pará
  • Eliane Oliveira da Costa Universidade Federal do Pará

DOI:

https://doi.org/10.5007/1984-8412.2017v14n3p2300

Palavras-chave:

Parkatêjê, Lexicologia, Jogo de flecha, Corrida de tora

Resumo

Este trabalho tem como objetivo apresentar a documentação e estudo sobre o léxico de duas atividades tradicionais do povo Parkatêjê: corrida de tora e o jogo de arco e flecha. Para isso, partimos de dois campos léxicos, corrida de tora e jogo de arco e flecha, os quais foram subdivididos em cinco subcampos semânticos: espaço físico; etapas e processos; elementos humanos; partes, componentes, especificações e medidas e instrumentos. A coleta de dados foi realizada in loco com a aplicação de questionários linguísticos com informantes de três faixas etárias. Todo o desenvolvimento desta pesquisa baseou-se em postulações teórico-metodológicas da Etnolinguística por (Coseriu (1990), Velarde (1991) e Rodrigues (2005); da Lexicologia e Lexicografia (Biderman (2001) e Dubois et al. (1973); e no Campo Léxico com Coseriu (1977) e Abbade (2011). Ao término do estudo chegamos à estrutura e à organização do vocabulário a que nos propomos investigar, bem como às suas particularidades linguísticas.

Biografia do Autor

Marília de Nazaré de Oliveira Ferreira, Universidade Federal do Pará

Professora do Instituto de Letras e Comunicação (ILC), vinculada à Faculdade de Letras (FALE), da Universidade Federal do Pará (UFPA). Doutora e Mestre em Linguística, respectivamente nos anos de 2003 e 1995. Desenvolve pesquisas sobre a língua Parkatêjê desde 2000.

Luciana Renata dos Santos Vieira, Universidade Federal do Pará

Mestranda em Estudos Linguísticos no Programa de Pós-Graduação em Letras (PPGL) da Universidade Federal do Pará (UFPA).

Eliane Oliveira da Costa, Universidade Federal do Pará

Doutoranda em Estudos Linguísticos no Programa de Pós-Graduação em Letras (PPGL) da Universidade Federal do Pará (UFPA).

Downloads

Publicado

2017-09-25

Edição

Seção

Artigo