Avaliação do plano de desenvolvimento institucional das universidades federais do consórcio sul-sudeste de Minas Gerais

Autores

  • Glener Alvarenga Mizael
  • José Roberto Pereira
  • Ana Alice Vilas Boas
  • Maria Fátima de Almeida Ferreira

DOI:

https://doi.org/10.5007/1983-4535.2012v5n4p21

Palavras-chave:

Planejamento estratégico, Plano de desenvolvimento institucional, Universidades federais, Consórcio sul-sudeste

Resumo

A ação dos gestores públicos diante do contexto do REUNI, tem o desafio de realizar uma gestão que garanta a eficácia e eficiência organizacional, pautando-se pelo instrumento de planejamento estratégico, representado pelo Plano de Desenvolvimento Institucional – PDI, criado pelo Decreto 5.773/06. Logo, o objetivo desse artigo é avaliar os limites e as possibilidades do PDI como um instrumento gerencial mediante a visão dos docentes e técnico-administrativos das Ifes do Consórcio Sul-Sudeste. Esse artigo é parte dos resultados de uma pesquisa realizada com o consórcio de universidades públicas federais de Minas Gerais, Brasil. Nessa pesquisa adotou-se um questionário semi-estruturado para coleta dos dados e, como instrumento de análise, utilizou-se o Software estatístico SPSS. Os resultados mostram alguns desafios para os gestores como: aperfeiçoar os mecanismos de divulgação e transparência, motivar a comunidade acadêmica para o envolvimento no plano; integrar os novos servidores no processo de planejamento; associar o plano a gestão; romper com os limites burocráticos definidos no PDI e; interesse e apoio político da Administração das Universidades pela utilização do plano como uma ferramenta de apoio a gestão.

Downloads

Publicado

2012-01-01