Contribuições do PDI e do Planejamento Estratégico na gestão de Universidades Federais

Júlio Eduardo Ornelas Silva, Pedro Antônio de Melo, Alexandre Moraes Ramos, Cláudio José Amante, Flora Moritz da Silva

Resumo


http://dx.doi.org/10.5007/1983-4535.2013v6n3p269

Este artigo pretendeu analisar as contribuições do Plano de Desenvolvimento Institucional e do Planejamento Estratégico na gestão de universidades federais brasileiras, no qual foram realizadas análises documentais e entrevistas in loco em oito universidades federais, sendo a UFAL, a UFGD, a UFMA, a UFMG, a UFPA, a UFSC, a UnB e a UNIFAP. As características das universidades estudadas são peculiares, no entanto, a experiência dos gestores entrevistados evidenciou que tanto o PDI quanto o planejamento estratégico trazem contribuições para a gestão das universidades, ao possibilitar o autoconhecimento, o delineamento de metas, objetivos e estratégias, propiciando um rumo às universidades e, em alguns casos,  trilhando o futuro com uma visão competitiva.

ESTA PESQUISA RECEBEU APOIO E FINANCIAMENTO DA CAPES/OBEDUC.


Palavras-chave


PDI; Planejamento estratégico; Universidades federais; Gestão universitária

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/1983-4535.2013v6n3p269

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

Revista Gestão Universitária na América Latina - GUAL, ISSN 1983-4535, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.

Para entrar em contato com a equipe editorial da Revista GUAL, encaminhe um e-mail para revistagual@gmail.com.

 This obra is licensed under a Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.