Liderança e gestão do conhecimento: desafios organizacionais da pós-graduação e pesquisa em uma universidade federal brasileira

Daniel Castro Giraldi, Gustavo Melo-Silva

Resumo


Este artigo apresenta um estudo de caso de caráter hermenêutico e aplicado, realizado com o objetivo de compreender quais são os principais desafios vivenciados pelos gestores da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da Universidade Federal de São João del-Rei (PROPE/UFSJ) em seus esforços de consolidação dos programas de pós-graduação stricto sensu. Os resultados mostraram que os principais desafios são a ausência de ações voltadas à qualificação funcional de docentes para o exercício do cargo de coordenador de programas de mestrado e de doutorado e a falta de apoio empresarial regional à pesquisa desenvolvida nesses programas. Os dados colhidos sugerem que a prática da liderança no âmbito da unidade organizacional estudada vem sendo impulsionada mais em razão de problemas e dúvidas por parte dos gestores do que em razão de planejamentos e estratégias, o que indica que esses profissionais tem atualmente um perfil gerencial mais reativo do que proativo.


Palavras-chave


Instituições de educação superior; Desafios da pós-graduação e pesquisa; Liderança universitária; Gestão do conhecimento

Texto completo:

PDF/A PDF/A (English)

Referências


ADRIANO, B. M.; RAMOS, F. Liderança universitária: uma revisão das publicações nacionais e estrangeiras sobre o tema. Navus-Revista de Gestão e Tecnologia, v. 5, n. 4, p. 46-64, 2015.

ALMEIDA, A. et al. Inovação e Gestão do Conhecimento. Rio de

Janeiro: Editora FVG, 2016.

BATISTA, F. F. O desafio da gestão do conhecimento nas áreas de administração e planejamento das Instituições Federais de Ensino Superior (IFES). Repositório IPEA, 2006.

BERGAMINI, C. W. Liderança: a administração do sentido. Revista de Administração de Empresas, v. 34, n. 3, p. 102-114, 1994.

BERNHEIM, C. T.; CHAUÍ, M. de S. Desafios da universidade na sociedade do conhecimento. Unesco, 2008.

BLASCHKE, S.; FROST, J.; HATTKE, F. Towards a micro foundation of leadership, governance, and management in universities. Higher education, v. 68, n. 5, p. 711-732, 2014.

BOLDEN, R.; PETROV, G.; GOSLING, J. Distributed leadership in higher education: What does it accomplish?. Leadership, v. 5, n. 3, p. 299-310, 2009.

BRADSHAW, P.; FREDETTE, C. Academic governance of universities: Reflections of a senate chair on moving from theory to practice and back. Journal of Management Inquiry, v. 18, n. 2, p. 123-133, 2009.

CLARK, B. The higher education system: Academic organization in cross-national

perspective. Univ of California Press, 1986.

COUTINHO, C. P. Metodologia de Investigação em Ciências Sociais e Humanas: teoria e prática. Edições Almedina, 2013.

CRANFIELD, D. J.; TAYLOR, J. Knowledge management and higher education: A UK case study. Electronic Journal of Knowledge Management, v. 6, n. 2, 2008.

DALKIR, K. Knowledge management in theory and practice. Elsevier, 2005.

DOUGHERTY, K. et al. Performance funding for higher education. JHU Press, 2016.

EKMAN, M.; LINDGREN, M.; PACKENDORFF, J. Universities need leadership, academics need management: discursive tensions and voids in the deregulation of Swedish higher education legislation. Higher Education, v. 75, n. 2, p. 299-321, 2018.

ETZKOWITZ, H. The evolution of the entrepreneurial university. International Journal of Technology and Globalisation, v. 1, n. 1, p. 64-77, 2004.

FALQUETO, J. M. Z.; FARIAS, J. S. A trajetória e a funcionalidade da universidade pública brasileira. Revista Gestão Universitária na América Latina-GUAL, v. 6, n. 1, 2013.

FÁVERO, M. de L. de A. A Universidade no Brasil: das origens à Reforma Universitária de 1968. Educar em Revista, n. 28, p. 17-36, 2006.

FONTANELLA, B. J. B.; RICAS, J.; TURATO, E. R. Amostragem por saturação em pesquisas qualitativas em saúde: contribuições teóricas. Cadernos de saúde pública, v. 24, p. 17-27, 2008.

FULLWOOD, R.; ROWLEY, J.; DELBRIDGE, R. Knowledge sharing amongst academics in UK universities. Journal of Knowledge Management, v. 17, n. 1, p. 123-136, 2013.

GRACIANI, Maria Stela Santos. O ensino superior no Brasil. Petrópolis: Vozes, 1982.

GUERRERO, M.; CUNNINGHAM, J.; URBANO, D.. Economic impact of entrepreneurial universities’ activities: An exploratory study of the United Kingdom. Research Policy, v. 44, n. 3, p. 748-764, 2015.

HEISIG, P. Harmonisation of knowledege management – comparing 160 KM frameworks around the globe. Journal of Knowledge Management, v. 13, n. 4, p. 4-31, 2009.

HICKS, D. Performance-based university research funding systems. Research policy, v. 41, n. 2, p. 251-261, 2012.

IPIRANGA, A. S. R.; FREITAS, A. A. F. de; PAIVA, T. A. O empreendedorismo acadêmico no contexto da interação universidade-empresa-governo. Cadernos EBAPE. BR, v. 8, n. 4, 2010.

JONES, S. et al. Distributed leadership: A collaborative framework for academics, executives and professionals in higher education. Journal of Higher Education Policy and Management, v. 34, n. 1, p. 67-78, 2012.

JONES, S. et al. Synthesising theory and practice: Distributed leadership in higher education. Educational Management Administration & Leadership, v. 42, n. 5, p. 603-619, 2014.

LEITE, L. Q. Entrevista: reflexões de um reformador contemporâneo do Estado brasileiro: entrevista com Luiz Carlos Bresser Pereira, por Leonardo Queiroz Leite. Revista de Administração Pública, v. 48, n. 4, p. 1051-1070, 2014.

MACEDO, A. R. de et al. Educação superior no século XXI e a reforma universitária brasileira. Ensaio: avaliação e políticas públicas em educação, v. 13, n. 47, 2005.

MACFARLANE, B. Defining and rewarding academic citizenship: The implications for university promotions policy. Journal of Higher Education Policy and Management, v. 29, n. 3, p. 261-273, 2007.

MACFARLANE, B. Collegiality and performativity in a competitive academic culture. Higher Education Review, v. 48, n. 2, 2016.

MIDDLEHURST, R. University challenges: Borderless higher education, today and tomorrow. Kluwer Academic Publishers. 2001.

MIDDLEHURST, R.; GOREHAM, H.; WOODFIELD, S. Why research leadership in higher education? Exploring contributions from the UK's leadership foundation for higher education. Leadership, v. 5, n. 3, p. 311-329, 2009.

NORTHOUSE, P. G. Leadership: Theory and practice. Sage publications, 2013.

ORZANO, J. et al. A knowledge management model: implications for enhancing quality in health care. Journal of the American Society for Information Science and Technology, v. 59, n. 3, p. 489-505, 2008.

RAMACHANDRAN, S. D.; CHONG, S. C.; WONG, K. Y. Knowledge management practices and enablers in public universities: A gap analysis. Campus-Wide Information Systems, v. 30, n. 2, p. 76-94, 2013.

RIBEIRO, C. V. dos S.; LEDA, D. B. O trabalho docente no enfrentamento do gerencialismo nas universidades brasileiras: repercussões na subjetividade. Educação em Revista, v. 32, n. 4, 2016.

SAMIOTIS, K.; STOJANOVIC, N.; NTIOUDIS, S. Knowledge Management for Public Administrations: Technical Realizations of an Enterprise Attention Management System. Electronic Journal of Knowledge Management, v. 12, n. 3, p. 195-205, 2014.

SGUISSARDI, V. Reforma universitária no Brasil–1995-2006: precária trajetória e incerto futuro. Educação & Sociedade, v. 27, n. 96, p. 1021-1056, 2006.

SUNALAI, S.; BEYERLEIN, M. Exploring knowledge management in higher education institutions: Processes, influences, and outcomes. Academy of Educational Leadership Journal, v. 19, n. 3, p. 289, 2015.

TEELKEN, C. Compliance or pragmatism: How do academics deal with managerialism in higher education? A comparative study in three countries. Studies in Higher Education, v. 37, n. 3, p. 271-290, 2012.

TINOCO, D. dos S. A influência do novo gerencialismo público na política de educação superior. Interface, v. 10, n. 2, 2013.

TOURINHO, M. M.; PALHA, M. das D. C. A Capes, a universidade e a alienação gestada na pós-graduação. Cadernos EBAPE. BR, v. 12, n. 2, 2014.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL-REI (UFSJ). Plano de Desenvolvimento Institucional. 2014. Disponível em: http://www.ufsj.edu.br/portal2-repositorio/File/pplan/PDI%20VERSAO%202014.pdf. Acesso em: 05 de fevereiro de 2017.

YOKOYAMA, K. Entrepreneurialism in Japanese and UK universities: Governance, management, leadership, and funding. Higher Education, v. 52, n. 3, p. 523-555, 2006.




DOI: https://doi.org/10.5007/1983-4535.2019v12n3p1

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

Revista Gestão Universitária na América Latina - GUAL, ISSN 1983-4535, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.

Para entrar em contato com a equipe editorial da Revista GUAL, encaminhe um e-mail para revistagual@gmail.com.

 This obra is licensed under a Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.