As políticas públicas de ensino superior tecnológico e a questão da responsabilidade social no Brasil

Marcus Vinicius de Oliveira Brasil, Maria Engracia Loiola, Mônica Mota Tassigny

Resumo


http://dx.doi.org/10.5007/1983-4535.2011v4n2p219

 

Este artigo objetivou debater a viabilidade das políticas públicas de ensino superior tecnológico no Brasil e algumas de suas prerrogativas para a responsabilidade social das instituições de ensino superior. Nesta direção, discutiram-se as principais políticas públicas voltadas para o ensino tecnológico, particularmente, ressaltou-se o caso do Estado do Ceará e as possibilidades do ensino superior tecnológico ser princípio da politecnia. Tratou-se de pesquisa bibliográfica e documental. Conclui-se que as políticas públicas de ensino superior tecnológico no nosso país têm avançado na formação de pessoal qualificado para o mundo do trabalho, porém existe ainda um elo perdido entre a teoria e a praxis da responsabilidade social que precisa ser recuperado como condição sine qua non para a legitimação de uma efetiva Política de Estado.


Palavras-chave


Educação superior; Ensino tecnológico; Políticas públicas; Responsabilidade social.

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/1983-4535.2011v4n2p219

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

Revista Gestão Universitária na América Latina - GUAL, ISSN 1983-4535, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.

Para entrar em contato com a equipe editorial da Revista GUAL, encaminhe um e-mail para revistagual@gmail.com.

 This obra is licensed under a Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.