“Apoio editorial ao golpe de 64 foi um erro”: apagamento e rememoração no discurso do jornal O Globo

Gisele Dotto Reginato, Sabrina Franzoni

Resumo


 

O objetivo deste artigo é analisar a construção discursiva do jornal O Globo com base no editorial de 2013 em que anuncia que o apoio ao Golpe de 64 foi um erro. A partir da análise, encontramos dois núcleos de sentido: o de apagamento e o de rememoração. Ao acionar um “outro” discurso jornalístico, O Globo promove a ativação de certos fatos tornados acontecimentos, ao mesmo tempo em que promove o esvaziamento de outros tantos, que estarão sujeitos ao apagamento.


Palavras-chave


Discurso jornalístico; Jornal O Globo; Golpe de 64.

Texto completo:

artigo


DOI: https://doi.org/10.5007/1984-6924.2014v11n1p66

(Est-s Jorn. Mid.), Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSNe 1984-6924.

Licença Creative Commons