A exposição da intimidade do jogador de futebol Neymar no programa Esporte Espetacular

Autores

  • Francisca Islandia Cardoso da Silva Fundação Municipal de Saúde de Teresina
  • Janete de Páscoa Rodrigues Universidade Federal do Piauí

DOI:

https://doi.org/10.5007/1984-6924.2016v13n1p143

Palavras-chave:

Intimidade, Televisão, Recepção

Resumo

 

O objetivo deste estudo é investigar o modo como uma reportagem do programa Esporte Espetacular mostra a intimidade do jogador de futebol Neymar e a recepção desta por jovens universitários. Fez-se uso da técnica de grupos focais e do método analítico-descritivo para coleta e análise dos dados. A amostra foi constituída por 24 jovens universitários, na faixa etária entre 18 e 24 anos. Imagens de amigos e familiares do jogador e depoimentos de pessoas próximas objetivam atrair o público e causar nele uma identificação com o protagonista do espetáculo. Os participantes da pesquisa consideraram que parte da sociedade se contenta em contemplar a vida de seus ídolos, esquecendo-se da sua própria. A mídia mostra porções da vida cotidiana que causam uma reação no receptor, o qual também influencia o que a mídia veicula sobre os ídolos. Logo, não há manipulador ou manipulado, mas sim interesses, ações e disposições. 

Biografia do Autor

Francisca Islandia Cardoso da Silva, Fundação Municipal de Saúde de Teresina

Mestra em Comunicação pela Universidade Federal do Piauí. Graduada em Licenciatura Plena em Educação Física pela Universidade Federal do Piauí. Educadora física da Fundação Municipal de Saúde de Teresina-PI.

Janete de Páscoa Rodrigues, Universidade Federal do Piauí

Doutora em Ciências da Comunicação pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos. Graduada em Licenciatura em Educação Físca pela Universidade Federal do Piauí. Professora adjunta da Universidade Federal do Piauí. 

Downloads

Publicado

2016-11-25