Composición de masas corporales de bailarinas de ballet y atletas de elite de deportes estéticos de Cuba

Autores

  • Hamlet Betancout León Universidad Nacional Autónoma de México. Ciudad de México. México. D.F.
  • Oscar Salinas Flores Universidad Nacional Autónoma de México. Ciudad de México. México. D.F.
  • Julieta Aréchiga Viramontes Universidad Nacional Autónoma de México

DOI:

https://doi.org/10.1590/1980-0037.2011v13n5p335

Palavras-chave:

Cineantropometria, Antropometria, Composição corporal

Resumo

O nível de beleza cenográfica da figura da dançarina tem significado pelo conjunto de características morfofuncionais validas exclusivamente para o balé. As dançarinas de balé e as atletas de esportes estéticos dividem a característica de ser magras e executar eficientemente as tarefas motoras das suas atividades. O propósito deste artigo e comparar a composição das massas corporais de dançarinas de balé em relação às desportistas de elite de ginástica artística (GAR), ginástica rítmica (GRI), e natação sincronizada (NAS). Foram estudadas antropometricamente 32 bailarinas da Escola Nacional de Balé e 63 atletas femininas de elite de deportes estéticos de Cuba. Foi aplicado um protocolo antropométrico de 16 medições para calcular os indicadores da composição corporal. As dançarinas expressaram diferenças significativas - no sentido de tervalores maiores - para as porcentagens de gordura gerais (PMG), com respeito aos grupos GAR e GRI tem semelhanças com os de NAS. As atletas de GAR e NAS demonstraram porcentagens musculares gerais (PMM) maiores -estatisticamente significativos- mais que os das dançarinas. O grupo GAR registro diferenças PMM-PMG muito superiores das dançarinas, as quais mostraram os valores mínimos -estatisticamente significativos- do indicador. Os grupos GAR e GRI mostraram valores maiores –estadisticamente significativos- de todas as porcentagens musculares das áreas transversais dos segmentos apendiculares, em composição com o balé. Os dados obtidos classificaram ao grupo de dançarinas de balé com o de menor potencialidade de eficiência de movimento técnico transitivo.

Biografia do Autor

Hamlet Betancout León, Universidad Nacional Autónoma de México. Ciudad de México. México. D.F.

Oscar Salinas Flores, Universidad Nacional Autónoma de México. Ciudad de México. México. D.F.

Julieta Aréchiga Viramontes, Universidad Nacional Autónoma de México

Publicado

2011-08-26

Edição

Seção

Artigos Originais