Donaldo Schüler em torno à tradução e o Finnegans Wake

Donaldo Schüller, Mauri Furlan, Marie Hélène Torres

Resumo


http://dx.doi.org/10.5007/1980-4237.2010n8p313

O depoimento a seguir foi concedido por Donaldo Schüler a Marie-Hélène Torres e Mauri Furlan, em 2004, de maneira informal, em seu hotel, durante o IV Encontro Nacional e III Encontro Internacional de Tradutores, em Fortaleza, CE, promovido pela ABRAPT. A conversação foi primeiramente gravada e posteriormente transcrita, admitindo-se então somente pequenas alterações necessárias à apresentação da textualização escrita. Inicialmente, este depoimento fazia parte de um projeto - não realizado - de publicação de relatos de tradutores. Durante a organização deste número temático da revista Scientia Traductionis, tivemos a oportunidade de recuperá-lo e apresentá-lo em um contexto talvez ainda mais propício.


Palavras-chave


James Joyce; Finnegans Wake; Tradução de Donaldo Schüler

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/1980-4237.2010n8p313

Sci. Trad., © 2005, UFSC, Florianópolis, SC, Brasil, eISSN 1980-4237

Creative Commons License
Scientia Traductionis is licensed under a Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.