O papel da tradução renascentista na reelaboração literária das línguas neolatinas

Autores

  • Leila Maraschin Universidade Federal de Santa Maria

DOI:

https://doi.org/10.5007/1980-4237.2014n16p63

Palavras-chave:

Tradução renascentista, Elocutio, Escrita literária, Línguas neolatinas

Resumo

Este artigo apresenta algumas considerações sobre o papel da tradução renascentista na reelaboração das línguas neolatinas, focalizando especialmente a influência da elocutio retórica no novo modo de traduzir que aprimora suas literaturas.

ABSTRACT

This article presents some considerations about the role of renaissance translation in the re-elaboration of the Romance languages, focusing particularly on the influence of Rhetoric’s elocutio to a new way of translating that enriches the literatures in those languages.

Keywords: Renaissance Translation; Elocutio; Literary Writing; Romance languages

Biografia do Autor

Leila Maraschin, Universidade Federal de Santa Maria

Possui graduação em Letras pela Universidade Federal de Santa Maria (1993) e Mestrado em Letras pela Universidade Federal de Santa Maria (1998). Atualmente é professora assistente da Universidade Federal de Santa Maria e professora pesquisadora da Universidade Aberta do Brasil. Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Latim, Filologia Românica e Língua Italiana. 

Downloads

Publicado

2016-06-23