O Método Fenomenológico na Pesquisa sobre Empreendedorismo no Brasil

Suely Percínio Moreira Silva, Antonio Carlos Gil

Resumo


A maioria das pesquisas sobre o empreendedorismo tem sido realizada segundo a perspectiva positivista. Verifica-se, no entanto, tendência para sua investigação sob outros enfoques. Assim, elaborou-se o presente estudo, que tem como objetivos: 1) Discutir a aplicabilidade do método fenomenológico no estudo do empreendedorismo; 2) Analisar o “estado da arte” da investigação acerca do empreendedorismo sob esse enfoque. Trata-se de um ensaio fundamentado em contribuições teóricas e em relatos de pesquisas empíricas de cunho fenomenológico sobre empreendedorismo no Brasil. O método fenomenológico apresenta grande potencial para o estudo do empreendedorismo, pois permite que a ação empreendedora seja conhecida sob o ponto de vista do próprio empreendedor. Contudo, ainda é reduzido o número de pesquisas sobre empreendedorismo com a aplicação desse método.  Recomenda-se aos pesquisadores que atentem para o potencial desse método para a compreensão do fenômeno empreendedor e que se disponham a investigá-lo sob a perspectiva dos próprios empreendedores.


Palavras-chave


Empreendedorismo, Método fenomenológico, Pesquisa

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-8077.2015v17n41p99

Revista de Ciências da Administração, Universidade Federal de Santa Catarina, Departamento de Administração, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.

Para entrar em contato com a equipe editorial da Revista RCA, encaminhe um e-mail para rca.cse@contato.ufsc.br

ISSNe 2175-8077    ISSN 1516-3865

Licença Creative Commons
This obra is licensed under a Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.