Redes virtuais de aprendizagem na sociedade e na pesquisa

Gustavo Henrique de Araújo Freire

Resumo


Apresenta um dos aspectos da tese de que uma rede virtual de aprendizagem (aqui denominada estoques de informação em fluxo) facilita a comunicação da informação nos grupos de usuários que dela participa. Aponta que a principal característica da sociedade contemporânea é a aplicação da informação e do conhecimento em um ciclo de realimentação cumulativo da inovação tecnológica. Discute o valor do capital intelectual para o processo de produção social, o que vem a exigir a constante atualização dos estoques dinâmicos de informação armazenados nos indivíduos. Define o papel dos profissionais da informação a partir da responsabilidade social de facilitar a comunicação da informação para um usuário que dela necessita, no processo de construção do seu próprio conhecimento. Propõe que as redes de aprendizagem assumam o papel fundamental de meio não somente na comunicação da informação, mas, especialmente, na criação de possibilidades de produção de novos conhecimentos.

Palavras-chave


Redes virtuais de aprendizagem; Comunicação da informação; Gestão da Informação; Profissionais da informação.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5007/1518-2924.2008v13n25p55



Direitos autorais 2008 Gustavo Henrique de Araújo Freire

Enc. Bibli: R. Eletr. Bibliotecon. Ci. Inf., Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSN 1518-2924.

Conteúdos do periódico licenciados sob uma Licença Creative Commons 4.0 By  (mais informação)