Decifra-me ou te devoro: desafios no uso de tecnologias para preservação e acesso em arquivos

Autores

  • Sérgio Conde de Albite Silva UNIRIO

DOI:

https://doi.org/10.5007/1518-2924.2011v16nesp1p40

Palavras-chave:

microfilmagem, Digitalização, Preservação, Acesso, Arquivos

Resumo

Analisa o uso da microfilmagem e da digitalização para a preservação e acesso de documentos em arquivos. Apresenta como algumas instituições internacionais na área estão lidando com a questão. A opção por uma ou outra tecnologia para a preservação e acesso deve se basear em dados estatísticos e estudos retrospectivos obtidos nas experiências desenvolvidas. Conhecer e medir, quantitativa e qualitativamente, os recursos humanos, tecnológicos e financeiros que foram aplicados em microfilmagem e digitalização de acervos para a preservação e acesso nas instituições arquivísticas, principalmente as públicas, oferece uma base para projetos futuros.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Sérgio Conde de Albite Silva, UNIRIO

Arquivista-conservador, mestre em Memória Social e doutor em Ciência da Informação; professor do Departamento de Estudos e Processos Arquivísticos da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro – UNIRIO e do Programa de Pós-Graduação em Ciência de Informação da Universidade Federal Fluminense – UFF.

Downloads

Publicado

2011-01-01

Como Citar

SILVA, Sérgio Conde de Albite. Decifra-me ou te devoro: desafios no uso de tecnologias para preservação e acesso em arquivos. Encontros Bibli: revista eletrônica de biblioteconomia e ciência da informação, [S. l.], p. 40–59, 2011. DOI: 10.5007/1518-2924.2011v16nesp1p40. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/eb/article/view/1518-2924.2011v16nesp1p40. Acesso em: 22 jun. 2024.

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.