Temáticas em biblioteconomia e ciência da informação no Brasil: enfoque nos periódicos científicos eletrônicos

Autores

  • Marina Alves de Mendonça Universidade Federal do Ceará

DOI:

https://doi.org/10.5007/1518-2924.2016v21n46p81

Palavras-chave:

Ciência, Comunicação científica, Periódicos científicos eletrônicos

Resumo

Destaca os periódicos científicos eletrônicos nacionais de biblioteconomia e ciência da informação com objetivo de identificar as temáticas mais debatidas em ciência da informação, por meio da análise dos artigos publicados de 2003 a 2013, além de detectar os temas dos artigos analisados visando conceber semelhanças e diferenças temáticas no âmbito da interdisciplinaridade, incluindo a identificação dos “vazios”, ou seja, de temas importantes e não contemplados. Incluem-se as revistas de biblioteconomia em virtude de parte dos títulos relevantes atualmente originarem-se de publicações antes dedicadas à biblioteconomia e que, após, concentraram-se em estudos de ciência da informação. Para consecução desta pesquisa de abordagem quali-quantitativa, natureza descritiva e concepção de estudo de caso, recorrem-se à análise documental e análise de conteúdo temática como técnicas de coleta e análise de dados, respectivamente. Verifica-se que o incremento da pesquisa nesse campo acompanha a expansão dos Programas de Pós-Graduação em Ciência da Informação e se expande à medida que encontra nos periódicos eletrônicos, os meios para intensificar a comunicação científica e ratificar relações interdisciplinares. Registram-se 48 categorias temáticas, dentre elas, Gestão apresenta incidência mais elevada (191 artigos) em contraposição às classes Administração; e Meio Ambiente e Sustentabilidade, ambas com apenas sete estudos, cada. Biblioteconomia aparece com o maior número de relações interdisciplinares. Recomenda-se que pesquisadores da área voltem sua atenção a temas em ascensão ainda pouco explorados no âmbito da ciência da informação, a exemplo de Estudos Cognitivos e Comportamentais; e Arquitetura da Informação, haja vista as perspectivas de crescimento e de contribuição ao campo.

##plugins.generic.paperbuzz.metrics##

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Marina Alves de Mendonça, Universidade Federal do Ceará

Bibliotecária da Universidade Federal do Ceará. Mestra em Ciência da Informação pela Universidade Federal da Paraíba. Tem experiência na área de Ciência da Informação, com ênfase em Biblioteconomia, tem atuado principalmente nos seguintes temas: Periódicos, Comunicação Científica, Educação de Usuários e Bibliotecas Universitárias.

Referências

ANDRADE, M. E. A.; OLIVEIRA, M. A ciência da informação no Brasil. In: OLIVEIRA, M. (Org.). Ciência da informação e biblioteconomia: novos conteúdos e espaços de atuação. Belo Horizonte: UFMG, 2005. p. 45-56.

ARAÚJO, A. C.; BUFREM, L. S. Informação para negócios: aspectos da literatura científica nacional em revistas da área de ciência da informação. Ciência da informação, Brasília, v. 37, n. 1, p. 7-17, jan./abr. 2008.

ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA IFNORMAÇÃO. GT 9: museu, patrimônio e informação. 2015b. Disponível em: <http://gt-ancib.fci.unb.br>. Acesso em: 17 jan. 2015.

BARDIN, L. Análise de conteúdo. Lisboa: Ed. 70, 1979.

BOMFÁ, C. R.; CASTRO, J. E. Desenvolvimento de revistas científicas em mídia digital: o caso da Revista Produção Online. Ciência da Informação, Brasília, v.33, n.2, p.39-48, maio/ago. 2004.

BUCKLAND, M. K. Information and Information Systems. New York: [s.n.], 1991.

BUFREM, L. S. Revistas científicas: saberes no campo da ciência da informação. In: POBLACION, D. A.; WITTER, G. P.; SILVA, J. F. M. (Org.). Comunicação & produção científica: contexto, indicadores e avaliação. São Paulo: Angellara, 2006. Cap. 7, p. 191-214.

COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR. Qualis Periódicos. Disponível em: < http://www.capes.gov.br/avaliacao/qualis>. Acesso em: 3 mar. 2014a.

______. Portal de Periódicos. Buscar Periódico. Disponível em: <http://www.periodicos.capes.gov.br>. Acesso em: 3 mar. 2014b.

CORREIA, A. E. G. C.; ALVARENGA, L.; GARCIA, J. C. R. Produção científica: reflexos da avaliação nos programas de pós-graduação em física. Em Questão, Porto Alegre, v. 18, ed. esp., p. 231-247, dez. 2012.

FRANCO, M. L. P. B. Análise do conteúdo. 2. ed. Brasília: Liber Livro, 2007. Série pesquisa. v. 6.

FREIRE, G.; FREIRE, I. Introdução à ciência da informação. João Pessoa: UFPB, 2009.

GONÇALVES, A.; RAMOS, L. M. S. V. C.; CASTRO, R. C. F. Revistas científicas: características, funções e critérios de qualidade. In: POBLACION, D. A.; WITTER, G. P.; SILVA, J. F. M. (Org.). Comunicação & produção científica: contexto, indicadores e avaliação. São Paulo: Angellara, 2006. Cap. 6, p. 163-190.

KRZYZANOWSKI, R. F.; FERREIRA, M. C. G. Avaliação de periódicos científicos e técnicos brasileiros. Ciência da Informação, Brasília, v. 27, n. 2, p. 165-175, maio/ago. 1998.

LEITE, F. T. Metodologia científica: iniciação à pesquisa científica, métodos e técnicas de pesquisa, metodologia da pesquisa e do trabalho científico (monografias, dissertações, teses e livros). Fortaleza: Universidade de Fortaleza, 2004.

MARCONI, M. A.; LAKATOS, E. M. Metodologia científica. 3. ed. São Paulo; Atlas, 2000.

______. Técnicas de Pesquisa. 7. ed. São Paulo: Atlas, 2008.

MIRANDA, A. Estudos avançados em arquivologia, biblioteconomia e ciência da informação. v. 2, 2002. Apresentação da obra. Disponível em: <http://www.antoniomiranda.com.br/ciencia_informacao/apresenta_miranda_georgete.pdf.>. Acesso em: 20 jun. 2014.

SARACEVIC, T. Ciência da informação: origem, evolução e relações. Perspectivas em Ciência da Informação, Belo Horizonte, v. 1, n. 1, p. 41-62, jan./jun. 1996.

SILVA, A. K. A.; CORREIA, A. E. G. C.; LIMA, I. F. O conhecimento e as tecnologias da sociedade da informação. Revista Interamericana de Bibliotecología, Medellín, v. 33, n. 1, ene. / jun. 2010.

SILVA, J. L. C. Das concepções disciplinares na ciência da informação e / ou de suas configurações epistemológicas: o desiderato percepcionado da interdisciplinaridade. Investigación Bibliotecológica, México, v. 27, n. 59, p. 67-92, ene. / abr. 2013.

SMIT, J. W. O documento audiovisual ou a proximidade entre as 3 Marias. Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação, São Paulo, v. 26, n. 1/2, p. 81-85, 1993.

TARGINO, M. G. Comunicação científica na sociedade tecnológica: periódicos eletrônicos em discussão. Comunicação e sociedade, v. 3, p. 93-112, 2001.

TARGINO, M. G.; GARCIA, J. C. R. Responsabilidade ética e social na produção de periódicos científicos. Belo Horizonte, Perspectivas em Ciência da informação, v.13, n.1, p.33-54, jan./abr. 2008a.

______. O e editor e a revista científica: entre “o feijão e o sonho”. In: FERREIRA, S. M. S. P.; TARGINO, M. G. (Org.). Mais sobre revistas científicas: em foco a gestão. São Paulo: Editora Senac São Paulo, Cengage Learning, 2008b. p. 41-72.

TRZESNIAK, P. As dimensões da qualidade dos periódicos científicos e sua presença em um instrumento da área de educação. Revista Brasileira de Educação, v. 11, n. 32, p. 346-377, maio/ago. 2006.

Downloads

Publicado

2016-04-28

Como Citar

MENDONÇA, . A. de. Temáticas em biblioteconomia e ciência da informação no Brasil: enfoque nos periódicos científicos eletrônicos. Encontros Bibli: revista eletrônica de biblioteconomia e ciência da informação, [S. l.], v. 21, n. 46, p. 81–103, 2016. DOI: 10.5007/1518-2924.2016v21n46p81. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/eb/article/view/1518-2924.2016v21n46p81. Acesso em: 1 jun. 2023.

Edição

Seção

Artigos