Prospecção acadêmica dos projetos financiados sobre dengue no Brasil: uso da ferramenta Scriptlattes como apoio ao planejamento de pesquisas em Saúde Pública

Autores

  • Lara Jansiski Motta Programa de Mestrado Profissional em Administração - Gestão em Sistemas de Saúde (PMPA-GSS). Universidade Nove de Julho (UNINOVE).
  • Renato Ribeiro Nogueira Ferraz Programa de Mestrado Profissional em Administração - Gestão em Sistemas de Saúde (PMPA-GSS). Programa de Pós-Graduação em Administração (PPGA). Universidade Nove de Julho (UNINOVE).
  • Luc Quoniam Université du Sud Toulon-Var.
  • Jesús Pascual Mena-Chalco Programa de Pós-Graduação em Ciência da Computação e do Bacharelado em C&T - Universidade Federal do ABC (UFABC).

DOI:

https://doi.org/10.5007/1518-2924.2017v22n50p114

Resumo

Introdução: A dengue é uma Doença Negligenciada (DN) caracterizada por infecção aguda, podendo apresentar evolução grave de acordo com a forma com que se apresenta. Por ter se tornado um problema de saúde pública com grande impacto, requer acompanhamento e análises constantes. Objetivo: Mapear e analisar os projetos de pesquisa, de mestrado, doutorado e pós-doutorado, em andamento em 2013 no Brasil e relacionados à dengue, e que possuíam apoio de órgãos de fomento, para criar uma prospecção dos futuros resultados bem como do seu potencial de aplicação para controle da doença, com base nos dados da Plataforma Lattes. Metodologia: Utilizou-se a ferramenta Scriptlattes, com base em arquivos-texto contendo as listas dos pesquisadores, professores e alunos que possuíam o descritor “dengue” em seus currículos, em algum Grupo de Pesquisa em que estivessem cadastrados, ou que tivessem alguma publicação em parceria com os pesquisadores que atendiam as exigências anteriores. Resultados: Notou-se que os estudos relacionados ao aperfeiçoamento dos fármacos para imunização foram os mais frequentes, e em sua maioria destacavam como próximo passo a necessidade da verificação da eficácia de tais fármacos, o que seria uma tendência para os próximos projetos. Conclusão: Os projetos vigentes à época desta experimentação pouco contribuíram para mudar o atual panorama do Brasil em relação à dengue. O olhar prospectivo aqui demonstrado permite a identificação de oportunidades para parcerias entre empresas e centros de pesquisas, além do apoio dos órgãos governamentais de fomento à pesquisa com foco nas principais necessidades do país.

Biografia do Autor

Lara Jansiski Motta, Programa de Mestrado Profissional em Administração - Gestão em Sistemas de Saúde (PMPA-GSS). Universidade Nove de Julho (UNINOVE).

Professora do Programa de Pós-graduação Mestrado e Doutorado em Biofotonica aplicada às Ciências da Saúde e do Mestrado em Gestão de Sistemas de Saúde da Universidade Nove de Julho (UNINOVE).

Renato Ribeiro Nogueira Ferraz, Programa de Mestrado Profissional em Administração - Gestão em Sistemas de Saúde (PMPA-GSS). Programa de Pós-Graduação em Administração (PPGA). Universidade Nove de Julho (UNINOVE).

Professor Permanente do Programa de Mestrado Profissional em Administração - Gestão em Sistemas de Saúde (PMPA-GSS) da UNINOVE, e Professor Colaborador do Programa de Pós-Graduação em Administração (PPGA), também da UNINOVE.

Luc Quoniam, Université du Sud Toulon-Var.

Professor da Université Du Sud Toulon-Var.

Jesús Pascual Mena-Chalco, Programa de Pós-Graduação em Ciência da Computação e do Bacharelado em C&T - Universidade Federal do ABC (UFABC).

Professor do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Computação – UFABC.

Referências

Aranha, S. C. A. D. (2013). Estudo sobre o fomento à pesquisa em dengue no Brasil: contribuições para a aproximação entre a geração e o uso do conhecimento. (Unpublished doctoral thesis). University of Brasilia, Brasilia, Brazil.

Bavaresco, J., Ferraz, R. R. N., Barro, F. C., & Boeira, D. D. A. R. (2015). Uso da ferramenta computacional Scriptsucupira como estratégia gerencial para acompanhamento da produção acadêmica em uma Instituição Educacional de Nível Superior. Revista de Gestão e Secretariado, 6(2), 1-18.

Bizerra, R. S. P. (2014). Desenvolvimento de uma vacina de subunidade contra o sorotipo 2 do vírus dengue baseada no domínio helicase da proteína NS3 (Doctoral dissertation, Universidade de São Paulo).

Brasil (2010). Doenças negligenciadas: estratégias do Ministério da Saúde. Rev Saúde Pública, 44(1), 200-2.

Cesarino, M. B., Dibo, M. R., Ianni, A. M. Z., Vicentini, M. E., Ferraz, A. A., & Chiaravalloti Neto, F. (2014). The difficult interface between vector control and primary care: insertion of dengue fever vector control agents into health teams at the primary health centers in São José do Rio Preto, São Paulo, Brazil. Saúde e Sociedade, 23(3), 1018-1032.

Dalbem, A. G., Herling, J. D., Vieira, R. G., & de Souza, V. A. I. (2014). Dengue clássica e febre hemorrágica da dengue: etiologia, fisiologia, epidemiologia e fatores de risco. Revista Ciência e Estudos Acadêmicos de Medicina, 1(01).

Ferraz, R. R. N., Quoniam, L., & de Rezende Alvares, L. M. A. (2014a). Avaliação de redes multidisciplinares com a ferramenta Scriptlattes: os casos da nanotecnologia, da dengue e de um programa de pós-graduação Stricto Sensu em Administração. Encontros Bibli: revista eletrônica de biblioteconomia e ciência da informação, 19(40), 67-98.

Ferraz, R. R. N., Quoniam, L. M., Maccari, E. A., & da Silveira, V. O. (2014b). Análise e gestão de análise de redes de colaboração entre pesquisadores de programas de pós-graduação stricto sensu com a utilização da ferramenta computacional Scriptlattes. Perspectivas em Gestão & Conhecimento, 4, 133-147.

Ferraz, R. R. N., & Quoniam, L. (2014). A utilização da ferramenta computacional Scriptlattes para avaliação das competências em pesquisa no Brasil. Revista Prisma. Com, (21).

Ferraz, R. R. N., Quoniam, L. M., & Maccari, E. A. (2015). A utilização da ferramenta Scriptlattes para extração e disponibilização on-line da produção acadêmica de um programa de pós-graduação stricto sensu em Administração. Revista Brasileira de Pós-graduação, 11(24).

Ferraz, R. R. N., & Quoniam, L. (2015). Acompanhamento da produção académica, avaliação das redes de colaboração e gerenciamento de desempenho de um programa de Pós-graduação stricto sensu em Direito. Revista Prisma. Com, (25).

Ferraz, R. R. N., Quoniam, L., Pimenta, D. N., Mena-Chalco, J. P., & Nigro, C. A. (2015). Extração e disponibilização on line de indicadores de desempenho e prospecção dos resultados das pesquisas em dengue com a utilização da ferramenta computacional Scriptlattes. Encontros Bibli: revista eletrônica de biblioteconomia e ciência da informação, 20(43), 93-114.

Ferreira, H., Lala, E. R. P., Monteiro, M. C., & Raimondo, M. L. (2009). Estudo epidemiológico localizado da frequência e fatores de risco para enteroparasitoses e sua correlação com o estado nutricional de crianças em idade pré-escolar. Publicatio UEPG: Ciências Biológicas e da Saúde, 12(4).

Fonseca, I. S. S., de Jesus, S. R. R., & da Silva, E. M. (2014). Epidemiologia da Dengue no Brasil no ano de 2012. Caderno de Graduação-Ciências Biológicas e da Saúde-UNIT, 2(2), 69-78.

Mena-Chalco, J. P., Junior, C., & Marcondes, R. (2009). Scriptlattes: an open-source knowledge extraction system from the Lattes platform. Journal of the Brazilian Computer Society, 15(4), 31-39.

Moreira, L. C., Segundo, G. S. A., & Ramos, B. (2014). A prospecção tecnológica como ferramenta de apoio ao planejamento de pesquisas acadêmicas–aço ods. Cadernos de Prospecção, 7(2), 257.

Mueller, S. P. M. (2006). A comunicação científica e o movimento de acesso livre ao conhecimento. Ciência da Informação, Brasília, 35(2), 27-38.

Nigro, C. A., Ferraz, R. R. N., Quoniam, L., Alves, W. A. L., & Messias, L. R. R. (2016). Prestação de contas anual e quadrienal à Capes por um programa de Pós-Graduação stricto sensu em Engenharia de Produção: utilização da ferramenta computacional Scriptlattes-Scriptsucupira. Revista PRISMA. COM, (29).

Silva, R. A. C., Maccari, E., & Ferraz, R. R. N. (2016). Uma Abordagem Contingencial de Gerenciamento de Projetos no Desenvolvimento de uma Ferramenta de Apoio à Gestão da Pós-Graduação Stricto Sensu. Revista EMPRAD, 1(1), 1-21.

Villela, E. F. D. M., & Almeida, M. A. D. (2013). Social representations of dengue: reflections on the mediation of information in public health. Saúde e Sociedade, 22(1), 124-137.

Villela, E. F. D. M., & Natal, D. (2014). Media, health, and power: a game of representations on dengue fever. Saúde e Sociedade, 23(3), 1007-1017.

Downloads

Publicado

2017-09-06

Como Citar

MOTTA, . J.; FERRAZ, . R. N.; QUONIAM, .; MENA-CHALCO, . P. Prospecção acadêmica dos projetos financiados sobre dengue no Brasil: uso da ferramenta Scriptlattes como apoio ao planejamento de pesquisas em Saúde Pública. Encontros Bibli: revista eletrônica de biblioteconomia e ciência da informação, [S. l.], v. 22, n. 50, p. 114–127, 2017. DOI: 10.5007/1518-2924.2017v22n50p114. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/eb/article/view/1518-2924.2017v22n50p114. Acesso em: 4 dez. 2022.