Os resumos e suas especificidades em periódicos brasileiros da Ciência da Informação

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5007/1518-2924.2020.e65367

Palavras-chave:

Resumo, Resumo estruturado, Periódicos Científicos, Ciência da Informação

Resumo

Objetivo: O resumo, representação da informação registrada no texto que o originou, configura-se como um instrumento valioso para a recuperação de conteúdos nas mais diversas áreas do conhecimento. Assim, compreendendo-se o papel informativo desse microtexto, propôs-se analisar as diretrizes estabelecidas para o desenvolvimento de resumos de artigos em periódicos científicos concernentes à Ciência da Informação.

Método: Fundamentado em pesquisa exploratória qualitativa e aporte teórico pautado em pesquisas bibliográficas e documental, deu-se a análise de diretrizes para a elaboração de resumos de artigos em 24 publicações nacionais da área da Ciência da Informação.

Resultado: Nesse sentido, observou-se que, embora existam pontos de convergência entre as recomendações das revistas consultadas, a introdução, a contextualização do assunto ainda não faz parte das exigências editoriais.

Conclusões: Por meio das análises realizadas evidenciou-se a necessidade de esforços em direção à padronização, como por exemplo, na explicitação da demanda por resumos estruturados, objetivando-se em última instância, facilitar o processo de busca, recuperação e uso da informação.

 

Biografia do Autor

Rosane Suely Alvares Lunardelli, Universidade Estadual de Londrina

Biliotecária, Mestre e  Doutora em Estudos da Linguagem, ministra aulas no cursos de graduação, especialização em Arquivologia e Biblioteconomia  e no Mestrado em Gestão da Informação  do Departamento de Ciência da Informação da Universidadde Estadual de Londrina ( UEL)

Andréia Del Conte de Paiva, Universidade Federal Tecnológica do Paraná- UFTPR

Mestre em Ciência da Informação da Universidade Estadual de Londrina (2018). Especialista em Administração Pública pela Faculdade Estadual de Ciências e Letras de Campo Mourão (2012). Graduada em Biblioteconomia pela Universidade Estadual de Londrina (2003). Bibliotecária da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) - Campus Campo Mourão. (Texto informado pelo autor)


Tatiana Tissa Kawakami, Universidade Estadual de Londrina

Mestra em Ciência da Informação pela UEL (2015). Possui licenciatura em Artes Visuais pelo Programa Especial de Formação Pedagógica (PROFOP) da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) (2017). Especialista em Desenvolvimento Web - Abordagem com Padrões e Foco na Experiência do Usuário pela UTFPR (2013). Especialista em Metodologia do Ensino Superior pela Universidade Norte do Paraná (UNOPAR) (2011). Bacharel em Artes Visuais - Multimídia pela UNOPAR (2009). Possui experiência na criação de projetos para interfaces digitais e desenvolvimento de materiais de comunicação visual diversos. Desenvolveu pesquisas com ênfase em tecnologias de informação e comunicação (TIC), organização da informação, usabilidade e educação.

Referências

ALVES, L. C. Informação e os sistemas de comunicação científica na ciência da informação. DataGramaZero, v. 12, n. 3, p. A04, 2011. Disponível em: http://www.brapci.inf.br/v/a/10229. Acesso em: 29 Ago. 2018.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS (ABNT). NBR 6028: informação e documentação – resumo - apresentação. Rio de Janeiro, 2003.

AZEVEDO, A. R. de. A função do resumo na comunicação científica: uma comparação entre resumos tradicionais e estruturados, 2011. 181 f. Dissertação (Mestrado em Ciência da Informação) – Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Ciência da Informação, Belo Horizonte, 2011.

BRASCHER; M.; CAFÉ, L. Organização da informação ou organização do conhecimento? In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO – ENANCIB, 9., 2008, São Paulo. Anais eletrônicos... São Paulo: ECA/USP, ENANCIB, 2008. Disponível em: http://enancib.ibict.br/index.php/enancib/ixenancib/paper/view/3016/2142 . Acesso em: 18 jul. 2018.

GUIMARAES, C. A. Structured abstracts: narrative review. Acta Cir. Bras., São Paulo, v. 21, n. 4, p. 263-268, Aug. 2006. Available from http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-86502006000400014&lng=en&nrm=iso. Access on 24 Mar. 2019. http://dx.doi.org/10.1590/S0102-86502006000400014.

GUIMARÃES, J.A.C. O resumo como instrumento para a divulgação e a pesquisa científica. Rev.Bras. Ed. Esp., Marília, v.11, n.1, p.3-16, jan./abr., 2005. Disponível em: http://www.abpee.net/homepageabpee04_06/artigos_em_pdf/revista11numero1pdf/1joseaugusto.pdf. Acesso em: 05 Maio 2018.

KOBASHI, N.Y. Análise documentária e representação da informação. INFORMARE - Cad. Prog. Pós-Grad. Ci. Inf., Rio de Janeiro, v.2, n.2 p. 5-27, jul./dez. 1996. Disponível em: https://edisciplinas.usp.br/pluginfile.php/4235088/mod_resource/content/1/Artigo%20Kobashi%202.pdf. Acesso em 12 jul. 2018.

LEITÃO, H.; SIMÕES, M. G. O resumo científico como recurso de acesso equitativo à informação. In: Congresso ISKO Espanha, 13, 2017, Coimbra. Anais... Coimbra: Universidade de Coimbra, 2017, p.825-839. Disponível em: http://sci.uc.pt/eventos/atas/comunicacoes/isko2017/isko2017_826_840.pdf. Acesso em: 25 abr. 2018.

MIRANDA, D. B.; PEREIRA, M. N. F. O Periódico Científico como Veículo de Comunicação: uma Revisão de Literatura. Ci. Info., Brasília, v. 25, n. 3, 1996. Disponível em: http://revista.ibict.br/ciinf/article/view/636/640. Acesso em: 04 Abr. 2018.

MUELLER, S. P.M. A comunicação científica e o movimento de acesso livre ao conhecimento. Ci. Inf., Brasília, v. 35, n. 2, p. 27-38, 2006. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ci/v35n2/a04v35n2.pdf. Acesso em: 16 Abr. 2018.

MUELLER, S. P.M. O crescimento da ciência, o comportamento científico e a comunicação científica: algumas reflexões. R. Esc. Biblioteconomia da UFMG, v. 24, n. 1, p. 63-84, 1995. Disponível em: http://portaldeperiodicos.eci.ufmg.br/reb/. Acesso em: 16 Abr. 2019.

NATIONAL INFORMATION STANDARDS ORGANIZATION (NISO). ANSI/NISO Z39.14-1997 (R2015) Guidelines for abstracts. Baltimore, Maryland, E.U. A, 2015. ISSN: 1041-5653. Disponível em: https://groups.niso.org/apps/group_public/download.php/14601/Z39-14-1997_r2015.pdf. Acesso em: 22 Abr. 2018.

NOVELLINO, M.S.F. Instrumentos e metodologias de representação da informação. Inf. Inf., Londrina, v. 1, n. 2, p. 37-45, dez. 1996. ISSN 1981-8920. Disponível em: http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/informacao/article/view/1603. Acesso em: 22 Fev. 2018.

PEREIRA, E. C.; BUFREM, L. S. Princípios de organização e representação de conceitos em linguagens documentárias. Enc. Bibli. Ci. Inform., Florianópolis, n. 20, p. 21-37, 2005. Disponível em: http://www.brapci.inf.br/index.php/article/view/0000003150/f2ecefe6257740fb522d2b2472cb5ee1. Acesso em: 24 de Ago. 2018.

SIMÕES, M.G. de M. et al. O resumo estruturado como recurso na disseminação da produção científica na área da saúde. In: Congresso ISKO Espanha e Portugal, 1., 2013, Porto. Resumos... Porto: UC, 2013. Disponível em: http://eprints.rclis.org/20874/1/ISKO2013_Resmo.pdf. Acesso em: 24 abr. 20

SIMÕES, M.G. de M. Resumo Documental: uma incursão à (des)construção concetual na literatura científica. Coimbra: Imprensa da Universidade de Coimbra, 2015.

RICHARDSON, R. J. Pesquisa social: métodos e técnicas. São Paulo: Atlas, 2012.

TARGINO, M. das G. Comunicação científica e estado ou estado e comunicação científica: tanto faz!. In: GIANNASI-KAIMEN, M.J.;

CARELLI, A.E. (Org.) Recursos informacionais para compartilhamento da informação: redesenhando acesso, disponibilidade e uso. Rio de Janeiro: E-papers, 2007. p. 19-46.

VALERIO, P.M.; PINHEIRO, L.V.R. Da comunicação científica à divulgação. Transinformação [online]. Campinas, vol.20, n.2, p. 159-169, 2008. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S0103-37862008000200004. Acesso em: 10 Abr. 2018.

WITTER, G. P. Pesquisa bibliográfica, pesquisa documental e busca de informação. Estudos de Psicologia, Campinas, v. 7, n. 1, p. 5-30, jan./jul. 1990.

Downloads

Publicado

2020-01-03

Edição

Seção

Artigo