Uma estratégia para a identificação e análise de publicações científicas em periódicos de acesso aberto

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5007/1518-2924.2021.78821

Palavras-chave:

Plataforma Lattes, Acesso Aberto, Produção Científica, Periódicos Científicos

Resumo

Objetivo: propor uma estratégia para a identificação e análise de publicações científicas realizadas em periódicos de acesso aberto realizadas pelos indivíduos com currículos cadastrados na Plataforma Lattes.

Método: no intuito de identificar as publicações em periódicos de acesso aberto, dentre todo o conjunto de publicações registradas em todos os currículos cadastrados na Plataforma Lattes, inicialmente, todos os currículos foram extraídos e armazenados localmente. Após, como validador para classificar o periódico que está classificado como acesso aberto, a relação de periódicos do Directory of Open Access Journals (DOAJ) foi utilizada. Logo, com a verificação dos ISSN e e-ISSN de cada publicação com o conjunto obtido do DOAJ, as publicações foram categorizadas.

Resultado: com a técnica adotada foi possível analisar, dentre os aproximadamente sete milhões de artigos em periódicos dos indivíduos com currículos cadastrados na Plataforma Lattes, aqueles que foram publicados em periódicos de acesso aberto.

Conclusões: conclui-se que aproximadamente 27% das publicações foram realizadas em periódicos de acesso aberto. Além disso, também foi possível identificar com o conjunto caracterizado, quais são os principais autores tendo em vista a sua produção neste meio de divulgação, bem como, como algumas áreas do conhecimento tendem a ser mais representativas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BJÖRK, Bo-christer; SOLOMON, David. Article processing charges in OA journals: relationship between price and quality. Scientometrics, [s. l.], v. 103, n. 2, p. 373-385, mar. 2015.

CHALHUB, Tânia; PINHEIRO, Lena Vânia Ribeiro. Acesso aberto à informação científica no Brasil: um estudo das universidades públicas do estado do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: 2011. Relatório Final de Atividades.

COSTA, Elaine Hipólito dos Santos. Periódicos de acesso aberto: um canal de disseminação dos pesquisadores bolsistas PQ1A do CNPq? 2018. Tese (Doutorado em Ciência da Informação) − Escola de Comunicação, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2018.

DIAS, Thiago. Magela. Rodrigues. Um estudo da produção científica brasileira a partir de dados da Plataforma Lattes. 2016. Doutorado em Modelagem Matemática e Computacional) − Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2016.

FREIRE, José Donizetti. CNPq e o acesso aberto à informação científica. 2011. 275 f. Tese (Doutorado) − Faculdade de Ciência da Informação, Universidade de Brasília, Brasília, 2011.

FURNIVAL, Ariadne Chloe Mary; SILVA-JEREZ, Nelson Sebastian. Percepções de pesquisadores brasileiros sobre o acesso aberto à literatura científica. Informação & Sociedade, João Pessoa, v. 27, n. 2, 2017.

LETA, Jacqueline; COSTA, Elaine Hipólito dos Santos; MENA-CHALCO, Jesús Pascual. Artigos em Periódicos de Acesso Aberto: um Estudo com Pesquisadores Bolsistas de Produtividade do CNPq. Revista Eletrônica de Comunicação, Informação e Inovação em Saúde, [s. l.], v. 11, p.1-6, nov. 2017.

MUELLER, Suzana P. M. O círculo vicioso que prende os periódicos nacionais. DataGramaZero-Revista de Ciência da Informação, n. dez/99, 1999.

MUELLER, Suzana P. M.. A comunicação científica e o movimento de acesso livre ao conhecimento. Ciência da Informação, Brasília, v. 35, n. 2, p. 27-38, ago. 2006.

NEUBERT, Patricia da Silva; RODRIGUES, Rosângela Schwarz; GOULART, Luiza Helena. Periódicos da Ciência da Informação em acesso aberto: uma análise dos títulos listados no DOAJ e indexados na Scopus │ Open access journals in information Science. Liinc em Revista, [s. l.], v. 8, n. 2, p. 389-401, dez. 2012.

PAVAN, Cleusa; BARBOSA, Márcia Cristina Bernardes. Financiamento público no Brasil para a publicação de artigos em acesso aberto: alguns apontamentos. Em Questão, Porto Alegre, v. 23, n. 2, p.120-145, abr. 2017.

PAVÃO, Caterina Groposo; ROCHA, Rafael Porte da; GABRIEL JUNIOR, Rene Faustino. Proposta de criação de uma rede de dados abertos da pesquisa brasileira. Rdbci: Revista Digital de Biblioteconomia e Ciência da Informação, Campinas, v. 16, n. 2, p.329-343, abr. 2018.

RODRIGUES, Rosângela Schwarz; OLIVEIRA, Aline Borges. Periódicos científicos na America Latina: títulos em Acesso Aberto indexados no ISI e SCOPUS. Perspectivas em Ciência da Informação, Belo Horizonte, v. 17, n. 4, p.76-99, dez. 2012.

SARVO, Denilson D. Oliveira. Avaliação da Plataforma Lattes como fonte de coleta de metadados para povoamento automatizado em repositórios institucionais. 2018. Dissertação (Mestrado em Ciência, Tecnologia e Sociedade) − Centro de Educação e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2018.

SILVA, Terezinha Elizabeth da; ALCARÁ, Adriana Rosecler. Políticas de acesso aberto à informação científica: iniciativas governamentais. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM CIêNCIA DA INFORMAÇÃO, 9., 2008, São Paulo. Anais [...]. São Paulo: Ancib, 2008.

SWAN, Alma. Why Open Access for Brazil? | Por que acesso livre no Brazil? Liinc em Revista, [s. l.], v. 1, n. 1, p.158-171, set. 2008.

ZHANG, Li; WATSON, Erin. The prevalence of green and grey open access: Where do physical science researchers archive their publications?. Scientometrics, [s. l.], v. 117, n. 3, p. 2021-2035, out. 2018.

Publicado

2021-10-08

Como Citar

DIAS, Patricia Mascarenhas; DIAS, Thiago Magela Rodrigues; MOITA, Gray Farias. Uma estratégia para a identificação e análise de publicações científicas em periódicos de acesso aberto. Encontros Bibli: revista eletrônica de biblioteconomia e ciência da informação, [S. l.], v. 26, n. Especial, p. 1–18, 2021. DOI: 10.5007/1518-2924.2021.78821. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/eb/article/view/78821. Acesso em: 23 maio. 2024.

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.