O estudo da espectroscopia no ensino médio através de uma abordagem histórico-filosófica: possibilidade de interseção entre as disciplinas de Química e Física

Hebert Roberto Araujo Silva, Andreia Guerra Moraes

Resumo


O presente artigo visa discutir a introdução de Física Moderna no Ensino Médio, através de uma abordagem histórico-filosófica. Essa opção deve-se ao fato desta abordagem possibilitar levar aos estudantes a relação que há entre os contextos políticos, sociais, artísticos, científicos, criando uma interlocução entre as disciplinas geralmente apresentadas de forma estanque ao aluno. Com vistas a aprofundar essa questão, o presente artigo apresenta um estudo que teve o propósito de construir subsídios para responder a seguinte questão: que elementos do tema espectroscopia desenvolvidos em aulas de Física, numa abordagem histórico-filosófica, podem complementar o estudo de modelo atômico realizado nas aulas de Química do Ensino Médio? Para tal, foi desenvolvida uma sequência didática na terceira série do Ensino Médio de uma escola da rede federal de ensino. Para analisar os dados coletados por meio de gravação de áudio e vídeo das aulas, optou-se pela pesquisa qualitativa. Tal análise aponta que o estudo do tema espectroscopia, nas aulas de Física, é capaz de suscitar questões importantes ao estudo do modelo atômico desenvolvido nas aulas de Química. 


Palavras-chave


História da Ciência; Espectroscopia; Ensino de Física Moderna

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-7941.2015v32n2p378

 


Cad. Bras. Ens. Fís. UFSC, Florianópolis, SC, Brasil - - - eISSN 2175-7941 - - - está licenciada sob Licença Creative Commons
> > > > >