Assistência Social e Políticas Sociais no Brasil – configuração histórica, contradições e perspectivas

Autores

  • Beatriz Augusto de Paiva UFSC - Florianópolis - SC

DOI:

https://doi.org/10.1590/%25x

Palavras-chave:

Asssistência social, Seguridade social, Cidadania, Política social, Democracia, Social assistance, Social security, Citizenship, Social policies, Democracy

Resumo

Este trabalho objetiva analisar os processos econômico-sociais nos quais produziram-se as políticas sociais públicas no Brasil. Pretende ainda buscar e solidificar conhecimentos adequados acerca dos significados particulares de cada configuração sociopolítica das estratégias afetas ao campo da proteção social, utilizando-se de uma percepção crítica historiográfica sobre a formação social e econômica nacional. Ao mesmo tempo procura realizar também, aproveitando-se de uma grade conceitual comum, uma interpretação histórico-cultural a respeito do país, decifrando suas contradições e reconstruindo suas determinações sociais e políticas.

Biografia do Autor

Beatriz Augusto de Paiva, UFSC - Florianópolis - SC

É assistente social, formada pela UFRJ (1986), mestrado também em Serviço Social pela UFRJ (1993) e doutorado pela PUCSP (2003). Atualmente é professora adjunta da UFSC, no Departamento de Serviço Social - Centro Sócio-Econômico, nos cursos de graduação e de pós-graduação. Reúne experiência acadêmica nas áreas de ética e políticas sociais públicas com ênfase em seguridade social. Pesquisa especialmente temas relacionados à política de assistência social, gestão e financiamento público, participação popular e democracia. Desde 2004 tem se dedicado aos estudos sobre a América Latina e atualmente é pesquisadora-fundadora do Instituto de Estudos Latino-Americanos - IELA/UFSC.

Mais informações: Currículo Lattes - CNPq.

Downloads

Publicado

1999-01-01