Ativação muscular e torque na articulação do tornozelo entre ginastas e não-atletas

Autores

  • Natália Batista Albuquerque Goulart Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • Caroline Pieta Dias Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • Fernando de Aguiar Lemos Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • Jeam Marcel Geremia Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • João Carlos Oliva Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • Marco Aurélio Vaz Universidade Federal do Rio Grande do Sul

DOI:

https://doi.org/10.1590/1980-0037.2014v16n5p555

Palavras-chave:

Eletromiografia, Ginástica, Torque, Treinamento.

Resumo

Ginastas artísticas (GA) executam movimentos específicos que exigem grande controle do movimento e produção de força na articulação do tornozelo. Essa elevada demanda desse esporte pode alterar as propriedades neuromecânicas dos músculos do tornozelo quando comparado a meninas não-atletas. Objetivou-se comparar a ativação muscular e a produção de torque na articulação do tornozelo entre GA e meninas não-atletas (MNA). Participaram do estudo 10 GA (11,70 ± 1,06 anos) e 10 MNA (11,70 ± 1,49 anos). Sinais eletromiográficos (EMG) dos músculos gastrocnêmio medial (GM), sóleo (SO) e tibial anterior (TA) foram obtidos simultaneamente ao torque isométrico máximo de flexão plantar (TFP) e flexão dorsal (TFD) no tornozelo dominante durante contração voluntária máxima isométrica (CVMI) em cinco ângulos articulares (20°, 10°, 0°, -10° e -20°). Além disso, a eficiência neuromuscular foi calculada por meio da razão Torque/EMG. GA apresentaram maior TFP (p<0,01) e menor TFD (p<0,05) em todos os ângulos articulares comparadas às MNA. Os valores RMS nos três músculos avaliados não diferiram entre os grupos (p>0,05). Além disso, GA apresentaram maiores valores de eficiência neuromuscular de flexão plantar, e menores de flexão dorsal, comparadas às MNA (p<0,01). A maior demanda do esporte nas GA determinou maior TFP e maior eficiência de flexão plantar, mas menor TFD e igual ativação do GM, SO e TA comparadas à MNA.

Biografia do Autor

Natália Batista Albuquerque Goulart, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Escola de Educação Física. Porto Alegre, RS

Caroline Pieta Dias, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Escola de Educação Física. Porto Alegre, RS

Fernando de Aguiar Lemos, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Escola de Educação Física. Porto Alegre, RS

Jeam Marcel Geremia, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Escola de Educação Física. Porto Alegre, RS

João Carlos Oliva, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Escola de Educação Física. Porto Alegre, RS

Marco Aurélio Vaz, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Escola de Educação Física. Porto Alegre, RS

Downloads

Publicado

2014-07-31

Edição

Seção

Artigos Originais