Capacidades físicas e os testes motores voltados à promoção da saúde em crianças e adolescentes

Autores

  • Roberto Jerônimo dos santos Silva UNIT

DOI:

https://doi.org/10.1590/%25x

Palavras-chave:

Crianças, Adolescentes, VO2, Força, Flexibilidade, Child, Adolescents, Oxygen uptake, Strength, Stretching

Resumo

Este artigo discute as capacidades físicas e os testes motores voltados à promoção da saúde em crianças e adolescentes, de forma a subsidiar trabalhos em que este tema esteja em voga. A idéia de avaliar a atividade física em uma população é baseada no desejo de determinar o estado de atividade atual da mesma, e verificar se ela está de acordo com os critérios apropriados para uma boa saúde. Do ponto de vista morfofuncional, uma boa “saúde relatada” é definida a partir dos componentes: composição corporal (não abordado neste trabalho), força e resistência muscular e flexibilidade, componentes estes que são verifi cados a partir da aplicação de testes ou baterias de testes que pretendem medir e verificar os níveis individuais e/ou populacionais de saúde relatada. A literatura de referência, que classifica os testes motores como referenciados a partir de normas ou critérios é o ponto de partida para esse debate.

Biografia do Autor

Roberto Jerônimo dos santos Silva, UNIT

Mais informações:
Currículo Lattes

Downloads

Publicado

2003-01-01

Edição

Seção

Artigos de Revisão