30 anos de REF: resistimos e sobrevivemos

Autores

  • Mara Coelho de Souza Lago UFSC
  • Cristina Scheibe Wolff UFSC
  • Tânia Regina Oliveira Ramos
  • Luzinete Simões Minella UFSC

DOI:

https://doi.org/10.1590/1806-9584-2022v30n185998

Referências

AZERÊDO, Sandra M. M. Preconceito contra a mulher: diferença, poemas e corpos. 2 ed., v. 1. São Paulo: Cortez, 2011.

CARNEIRO, Sueli. Escritos de uma vida. Belo Horizonte: Letramento, 2018.

D’ANDREA, Anna Claudia Batista. Movimentos e Articulações: uma análise das iniciativas de formação de educadoras/es em sexualidade da Rede Municipal de Educação de Belo Horizonte (1989-2009). 2014. Doutorado (Educação) - Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, MG, Brasil.

GONZÁLEZ, Lélia. Por um feminismo afro-latino-americano: ensaios, intervenções e diálogos. Rio de Janeiro: Zahar, 2020.

hooks, bell. Ain’t I A Woman: black women and feminism. Boston, MA: South End Press, 1981.

hooks, bell. Ensinando a transgredir: a educação como prática da liberdade. 2 ed. São Paulo: WMF Martins Fontes, 2017.

hooks, bell. Erguer a voz: pensar como feminista, pensar como negra. São Paulo: Elefante, 2019.

hooks, bell. Killing Rage: Ending Racism. New York: Henry Holt and Company, Inc., 1995.

hooks, bell. “Intelectuais negras”. Revista Estudos Feministas, v. 3, n. 2, 1995.

hooks, bell. Breaking Bread: Insurgent Black Intellectual Life. Boston, MA: South End Press, 1991.

hooks, bell. Teaching to Transgress: Education as Practice of Freedom. New York: Routledge, 1994.

LUGONES, María. “Rumo a um feminismo descolonial”. Revista Estudos Feministas, v. 22, n. 3, p. 935-952, 2014.

MINELLA, Luzinete Simões. “IN MEMORIAN. Uma vida, muitas lutas: Luiza Helena Bairros”. Revista Estudos Feministas, v. 24, n. 3, p. 891-892, 2016.

MORRISON, Toni. O Olho Mais Azul. São Paulo: Companhia das Letras, 2003.

NASCIMENTO, Beatriz. Uma história feita por mãos negras: Relações raciais, quilombos e movimentos. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2021. (Compilação de Alex Ratz)

QUEIROZ, Dinah Silveira de. Margarida La Rocque: a ilha dos demônios. Rio de Janeiro: Record, 1991(1949).

QUIJANO, Aníbal. “Colonialidad, modernidad/racialidad”. Perú Indígena, v. 13, n. 29, p. 11-29, 1991.

SOUZA, Neusa Santos. Tornar-se negro: as vicissitudes da identidade do negro brasileiro em ascensão social. Rio de Janeiro: Graal, 1983.

SOUZA, Neusa Santos. Tornar-se negro: ou As vicissitudes da identidade do negro brasileiro em ascensão social. São Paulo: Companhia das Letras, 2021.

VEIGA, Ana; BIDASECA, Karina. “Lugones: um caminho no horizonte decolonial”. Revista Estudos Feministas, v. 30, n. 1, 2022.

Downloads

Publicado

2022-05-23

Edição

Seção

Editorial