Diferenças regionais e o êxito relativo de mulheres em eleições municipais no Brasil

Autores

  • Luis Felipe Miguel Universidade de Brasília
  • Cristina Monteiro de Queiroz Universidade de Brasília

DOI:

https://doi.org/10.1590/S0104-026X2006000200003

Palavras-chave:

gênero e participação eleitoral, diferenças regionais, eleições locais, política brasileira

Resumo

Por que, nas eleições locais brasileiras, as mulheres apresentam um desempenho melhor nas regiões economicamente menos desenvolvidas? O artigo testa três possíveis respostas, eventualmente sugeridas nos debates sobre a questão: 1) a associação das candidatas dessas regiões com partidos de direita; 2) o gap educacional que as beneficia; e 3) a maior presença de mulheres no eleitorado. A análise dos dados, entretanto, leva à rejeição de todas essas hipóteses, concluindo-se que são necessárias explicações mais complexas para o fenômeno. Os dados permitem, também, observar as limitações da legislação brasileira de cotas eleitorais para mulheres.

Downloads

Publicado

2006-05-11

Edição

Seção

Artigos