Deus como personagem: indícios da (des)preocupação com aspectos literários em traduções do texto sagrado Bhagavad GItA

Rodrigo Gomes Ferreira

Resumo


Este artigo apresenta indícios da preocupação e da despreocupação com o valor literário do texto indiano Bhagavad GItA, geralmente lido como um texto sagrado (sensível, religioso)
e filosófico. Através de exemplos presentes em notas de tradução e prefácios de onze traduções diferentes, demonstra-se alguns aspectos literários do texto original levados em conta ou não para a tradução. Também discute-se brevemente a tradução de textos sensíveis vistos como textos literários.

Palavras-chave


Tradução; Textos sensíveis; Tradução literária; Textos sagrados; Sânscrito; Bhagavadgita.

Texto completo:

PDF/A


DOI: http://dx.doi.org/10.5007/%25x

Sci. Trad., © 2005, UFSC, Florianópolis, SC, Brasil, eISSN 1980-4237

Creative Commons License
Scientia Traductionis is licensed under a Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.